Quarta-feira, 29 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Amazônia precisa ser cultivada como "jóia rara", defende coordenadora da Pastoral da Criança


Gláucia Gomes
Agência Brasil

Brasília - A coordenadora nacional da Pastoral da Criança e da Pessoa Idosa, Zilda Arns, defende que a Amazônia seja cultivada como "uma jóia rara que nós temos de preservar para o benefício de todos".

Em entrevista à Rádio Nacional da Amazônia, ela afirmou que para a auto-sustentabilidade da região é preciso conservar o meio ambiente, alcançar o maior número de comunidades ribeirinhas na redução da mortalidade infantil e da desnutrição, e promover a paz e a educação da mulher, "que é a grande transformadora social".

Zilda Arns destacou que a Campanha da Fraternidade, que neste ano tem como lema Amazônia e Fraternidade – Vida e Missão neste Chão, é um trabalho que se faz todos os dias, "é um chamado, discutindo a biodiversidade, a inclusão social de tantos pobres, promovendo a conscientização de todos”.

Depois de lembrar que esteve há pouco em Guiné Bissau, onde a preservação da Amazônia também foi discutida, a coordenadora afirmou que "será um caos se continuarem a derrubar as matas, não só na Amazônia, mas no Brasil inteiro". E alertou para "uma conscientização sobre o meio ambiente, porque é uma questão de sobrevivência – a ganância de poucos não pode acabar com a saúde e com o bem-estar do Brasil e do mundo”.

Na opinião de Zilda Arns o governo precisa cuidar da Amazônia com mais seriedade, com mais fiscalização, com leis mais adequadas, para que haja a auto-sustentação das comunidades locais. "Esses povos sofrem muito. O assunto é urgente e o Brasil não pode ficar dormindo em cima desse problema, um dos mais graves do país e do mundo – a destruição de uma natureza tão fantástica”.

A coordenadora destacou ainda que a Pastoral da Criança e do Idoso sempre trabalhou na conscientização das famílias: "Apesar de ser da Igreja Católica, a Pastoral sempre atuou de maneira ecumênica e nós convocamos todas as religiões para se abraçarem e tornarem a Amazônia uma peça rara, porque precisamos nos unir para preservar".


 

Gente de OpiniãoQuarta-feira, 29 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Quarta-feira, 29 de maio de 2024 | Porto Velho (RO)