Porto Velho (RO) sexta-feira, 4 de dezembro de 2020
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Aldo diz que país só crescerá se houver diálogo


Agência O Globo BRASÍLIA - O presidente da Câmara, Aldo Rebelo, disse que o discurso de posse do presidente Luiz Inácio Lula da Silva demonstra a compreensão de que o Brasil precisa superar o desafio de crescer a taxas mais elevadas, a partir do reconhecimento das forças políticas, econômicas e intelectuais. Isso, segundo Aldo, só será possível com "um diálogo construtivo entre governo e oposição". Para ele, tanto o governo quanto a oposição precisam levar em conta que há o interesse do país e que o denominador comum deve surgir a partir desse diálogo. - O governo não pode querer que a oposição não fiscalize, nem a oposição pode cobrar do governo o que ele não pode oferecer - ressaltou. Aldo também elogiou o trecho do discurso em que o presidente se refere à educação como "um instrumento para fortalecer a democracia" e a citação bíblica feita no final em que Lula lista o que é necessário para governar.

Mais Sobre Política - Nacional

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

Mariana Carvalho defende novas medidas aprovadas pelo Congresso no enfrentamento à Covid-19

A deputada federal Mariana Carvalho (PSDB-RO) defendeu nesta quinta-feira (2) as medidas que estão sendo aprovadas pela Câmara e pelo Senado no

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

Relator revisor da MP 924 - Coronavírus, Dep Lucio Mosquini destaca liberação de 5 Bilhões para enfrentamento da crise na saúde

O deputado federal Lucio Mosquini é o relator revisor da MP 924/2020, conhecida como MP do Enfrentamento do coronavírus. O Senador Eduardo Gomes també

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Deputados federais apresentam no STF pedido de impeachment do ministro Weintraub

Rede Brasil Atual - Deputados da oposição anunciaram hoje (5) que vão apresentar denúncia no Supremo Tribunal Federal (STF) contra o ministro da Edu