Sábado, 20 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Política - Nacional

Advogado de famílias diz que pilotos do Legacy 'brincavam' sobre a Amazônia


Plínio Teodoro - Agência O Globo SÃO PAULO - O advogado americano Manuel Von Ribbeck, que representa parte das famílias das vítimas do acidente com o avião da Gol, disse na tarde desta quinta-feira, em entrevista coletiva em São Paulo, que os pilotos do Legacy, Joseph Lepore e Jan Paul Paladino, provavelmente executavam manobras e "brincavam sobre a Amazônia" no momento da colisão que vitimou 154 pessoas (entre tripulantes e passageiros) no último dia 29 de setembro de 2006. Acompanhado do perito canadense Max Vermil, um dos maiores especialistas no mundo em acidente com aviões da Boeing, o advogado afirmou que fontes do "alto escalão" da Força Aérea Brasileira teriam confirmado que houve negligência por parte dos pilotos americanos. - Aparentemente, os pilotos do Legacy estavam fazendo manobras, brincando sobre a Amazônia de forma negligente e o governo confirmou isto. Segundo o advogado, após o choque o avião da Gol começou a cair rodopiando e, segundo os estudos feitos pelos peritos contratados pelo escritório dele, os passageiros podem ter ficado vivos dentro do avião por cerca de dois minutos durante a queda. - Após o choque, o Boeing começa a rodar e cair em parafuso. Provavelmente, em aproximados um minuto e 53 segundos as pessoas sabiam que iam morrer. É a pior parte. Imagino as mães caindo sem poder salvar seus filhos. Nesta segunda-feira, o escritório do advogado entrou com ação na Justiça de Nova York contra os pilotos e a empresa ExcelAire, dona do jato, e também contra a Honeywell, fabricante americana do transponder, sistema anti-colisão instalado nos dois aviões. Segundo Ribbeck, nos próximos dias a Boeing também deve ser acionada judicialmente na Justiça americana. - Iniciamos com um processo contra eles (pilotos). Mas eles não são os únicos culpados, a Honeywell tem sua parte e também as outras empresas envolvidas. O perito canadense não descarta uma possível falha dos controladores de vôo, mas diz que ainda deve analisar os dados para verificar uma possível falha. - Eu cheguei no Brasil no início da semana. Fiz contado com o departamento (de aviação) de Manaus, mas ainda preciso analisar melhor os registros e ouvir as caixas-pretas. Não posso me basear em especulações - disse Max Vermij, que trabalha há quase 30 anos na perícia de acidentes aéreos e participou do desenvolvimento dos laboratórios que decodificam as caixas-pretas. Segundo Ribbeck, seis escritórios de advocacia brasileiros são parceiros na ação. Ele disse que, seguindo normas da legislação brasileira, vai aguardar a finalização da investigação para entrar com processo contra possíveis responsáveis pela colisão no Brasil, como a empresa Gol, a Infraero e, caso seja comprovado, os controladores de vôo.

Gente de OpiniãoSábado, 20 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

STF tem maioria para determinar recálculo de cadeiras na Câmara dos Deputados

O Supremo Tribunal Federal (STF) formou nesta sexta-feira (25) maioria de votos para determinar que a Câmara dos Deputados faça a redistribuição do

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

Governo Federal se compromete a incluir plano de carreira da ANM na LOA 2024

O Sindicato Nacional dos Servidores das Agências Nacionais de Regulação (SInagências) conseguiu uma solução direta do governo após intensa articulaç

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

Deputado estadual Pedro Fernandes será o relator da CPI das Reservas em Rondônia

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) das Reservas foi instaurada em Rondônia para investigar possíveis irregularidades nos processos de criação

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Ministro Paulo Pimenta trata sobre parceria entre Rede IFES de Comunicação Pública, Educativa e de Divulgação científica com a EBC e o Governo Federal

Na tarde dessa segunda-feira (06), o ministro-chefe da Secretaria de Comunicação Social da Presidência da República (SECOM), Paulo Pimenta, esteve r

Gente de Opinião Sábado, 20 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)