Porto Velho (RO) sábado, 21 de setembro de 2019
×
Gente de Opinião

Política - Nacional

A ELEIÇÃO DA 'FICHA SUJA'


 

por CARLOS JOSÉ MARQUES
 
O presidente Lula, alinhado com o grande clamor dos eleitores, decidiu enfrentar uma das mais polêmicas decisões do TSE. Lula quer barrar a possibilidade de candidatura dos políticos com “ficha suja”, seja qual for o partido. Pede uma imediata mudança na legislação eleitoral para evitar que quem seja alvo de processos de corrupção esteja apto a buscar o voto nas urnas. Parece óbvio, mas o fato é que o Tribunal Eleitoral liberou sim o registro de candidatos nessas condições e estuda apenas a divulgação de sua ficha para conhecimento do eleitorado. Como poucos têm acesso a informação, o risco de processados pelos mais variados crimes voltarem a ter mandato é altíssimo. Confrontando governadores, prefeitos e parlamentares do Senado e da Câmara, em evento na semana passada, Lula fez uma convocação: “Nós políticos vamos ter que ter a coragem de pensar numa reforma política. É preciso ter coragem de fazer uma lei que, em primeiro lugar, interesse ao povo brasileiro.” Falou abertamente contra a eleição de processados. O debate que envolve essa que é a mais polêmica questão para as eleições que se avizinham teve início porque, aos olhos da atual lei, só é inelegível quem foi condenado em última instância. Um contra- senso legal: hoje um governador, com mandato de quatro anos, pode ser cassado por corrupção e logo depois ser eleito, por exemplo, como senador com direito a mandato de oito anos. Na esfera das procuradorias eleitorais, vários Estados já cogitam caminhos alternativos que driblam em parte a orientação do TSE: os procuradores regionais vão tentar impugnar os registros de candidatura daqueles com processos criminais comuns e de improbidade administrativa. Essa guerra, que envolve o legal e o moral, deve seguir indefinida até o momento das urnas. Caberá mais uma vez ao eleitor tomar todos os cuidados e se cercar do máximo de informação para não colocar de volta na cena política os tradicionais “fichas sujas”, que usam de artimanhas e do oportunismo para não prestarem contas pelo que fizeram.
 
Fonte: Revista IstoÉ - Editora Três

Mais Sobre Política - Nacional

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

Governo Federal retoma projeto para erguer hidrelétricas no Norte

 Há pelo menos seis anos, setores do governo brasileiro estudam construir quatro grandes hidrelétricas, duas delas na Região Norte, uma delas em Rondô

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

Violência doméstica e familiar: agressor será obrigado a pagar todos os custos de serviços de saúde

A Câmara dos Deputados aprovou na noite desta segunda-feira o PL 2438/19 de autoria da deputada Mariana Carvalho (RO) e do deputado Rafael Motta que

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Justiça partidária condena PT em Curitiba e blinda PSDB em São Paulo

Implacável para condenar lideranças do PT na República de Curitiba, a Justiça brasileira não mostra o mesmo furor para investigar e julgar os tucanões

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

FGTS: Anúncio sobre saques fica para a próxima semana, diz Onyx

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, afirmou que o anúncio da liberação de saques das contas ativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviç