Porto Velho (RO) sábado, 28 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

Unidade de Segurança terá núcleo com psicólogos e assistentes sociais no atendimento às vítimas de crimes, em Rondônia


 Gente de Opinião

Antônio Carlos do Reis reunido com os diretores de instituições de Ensino Superior

Em reunião coordenada pelo secretário de Segurança, Antônio Carlos do Reis, com a participação de diretores de instituições de ensino de Porto Velho, foi discutido a atuação dos acadêmicos de cursos de psicologia no programa piloto que será implantado nas unidades.

Na ocasião, André Roberto, gerente de Planejamento (Geplan), explicou que a Sesdec busca minimizar os efeitos da violência na sociedade, por isso estabeleceu, além da atuação entre as forças de Segurança Pública, a humanização do atendimento nas unidades, com o objetivo de proporcionar um ambiente adequado de atendimento ao cidadão.

“A parceria com as instituições de ensino superior nas localidades de atuação das Unisps é de fundamental importância, já que irá servir como piloto para a atuação nas delegacias especializadas de Proteção a Criança e ao Adolescente (DPCA) e a Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (DEAM)”, disse André Roberto.

O projeto piloto será implantado nas Unisps de Porto Velho, Ariquemes, Ji-Paraná e Vilhena, pois estas unidades foram planejadas com ambientes para inserção de profissionais que farão o atendimento humanizado.

Paulo Andrade, diretor da faculdade Unopar, agradeceu a oportunidade da parceria com a instituição, o que segundo ele, vai proporcionar uma maior interação dos acadêmicos com a realidade profissional. “A vítima chega tão fragilizada na delegacia que, às vezes, o atendimento humanizado já pode resolver mais da metade da situação. O simples fato de chegar e ser direcionada para uma sala, onde irá receber o atendimento psicológico e social, para depois prestar seu depoimento, propicia um novo sentido”, disse.

Antônio Carlos dos Reis, secretário de Segurança, explicou que as Unidades Integradas foram projetadas para oferecer um ambiente seguro e aconchegante. Com arquitetura moderna, onde a vítima será recepcionada e dirigida a uma sala reservada, ficando em um ambiente separado do infrator, testemunha e do público comum.

Nas Unidades também serão instaladas três custódias de passagem e uma sala de reconhecimento de suspeitos de terem cometido crimes. “As testemunhas e vítimas poderão identificar criminosos sem o receio de serem reconhecidos pelos mesmos e sofrerem futuras represálias”, salientou Reis.

Na semana passada, o secretário de Segurança, Antônio Carlos dos Reis, e o gerente de planejamento, André Roberto,  visitaram as obras das Unidades Integradas de Segurança Pública (Unisp), no interior do Estado – Vilhena, Rolim de Moura, Ji- Paraná, Nova Brasilândia,  Espigão do Oeste e Colorado do Oeste.
 


Fonte
Texto: Arian Oliveira e Márcia Martins
Fotos: Márcia Martins
Decom - Governo de Rondônia

Mais Sobre Polícia

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

O 5º Batalhão de Polícia Militar de Rondônia (5º BPM – Batalhão Belmont) realiza, nesta sexta-feira (23), às 19h, a formatura militar alusiva ao seu

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Na manha de hoje (21), a Polícia Rodoviária Federal participou da Operação Arinna, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime O