Porto Velho (RO) domingo, 29 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

Preso homem acusado de matar a sogra em 2001


 

Mata a sogra e como boto pula no rio até ser fisgado por agentes do GIC

Após matar sua sogra em 2001, Antonio Carlos Brasileiro dos Santos, 43, fugiu para o projeto Jaci Paraná, linha 09, Km 55, Zona Rural, sentido Rio Branco, com medo, segundo ele, de seus cunhados o matarem. Ele foi preso hoje, 20, por volta das 6 horas, por policiais do GIC – Grupo de Investigações e Capturas, por determinação do delegado Jeremias Mendes, quando estava no meio do rio madeira, nas imediações daquele projeto.

A equipe do GIC informou que a princípio a informação era de que Antonio estaria residindo no projeto Joana D’arc, mas ao iniciar as investigações na madrugada de hoje, descobriram que ele estava no projeto Jaci Paraná. Quando estavam navegando no rio madeira, os policiais viram o acusado em uma voadeira, no sentido contrário. Mandaram que ele fosse até a margem do rio e ali informaram que eram policiais e tinham um Mandado de Prisão contra ele e o prenderam.

Os policiais foram informados por Antonio Brasileiro que ao cometer o crime ele fugiu para àquela localidade de difícil acesso por que tinha medo de ser morto pelos cunhados – um foi assassinado e outro já esteve preso -, pois eles o ameaçaram, se ele caísse dentro do sistema penitenciário. Brasileiro estava no projeto há nove anos e nunca tinha ido a cidade.

Fonte: Lenilson Guedes

Mais Sobre Polícia

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

O 5º Batalhão de Polícia Militar de Rondônia (5º BPM – Batalhão Belmont) realiza, nesta sexta-feira (23), às 19h, a formatura militar alusiva ao seu

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Na manha de hoje (21), a Polícia Rodoviária Federal participou da Operação Arinna, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime O