Porto Velho (RO) segunda-feira, 23 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

João Paulo registra queda de 20% em atendimentos no réveillon


Caiu em pelo menos 20% o número de atendimentos em pessoas vítimas do trânsito, durante as comemorações da virada de ano. De acordo com dados do Hospital e Pronto-Socorro João Paulo II, nos dois dias de festividades, a contar de terça-feira (31),  até a manhã  desta quinta-feira (02), o hospital realizou 184 atendimentos.

Deste total, 49 foram vítimas do trânsito. Cerca de 61%  dessas  ocorrências  envolveram   motociclistas. Segundo a direção do João Paulo II, mesmo se tratando de um fim de semana prolongado, foi registrada uma queda de 20% nos atendimentos à vítimas do trânsito,  em relação ao mesmo período do ano passado.

 “Apesar dos índices serem altos, essa queda no número de vítimas do trânsito é positiva, já que as festividades de fim de ano geralmente são marcadas por vários excessos, podemos dizer que tivemos um resultado positivo”, destacou Franklin Almeida, diretor clínico do João Paulo II.

Ainda segundo levantamento realizado pela equipe técnica do João Paulo II, foram registrados ainda 11 ferimentos  por arma branca,  07 por  arma de fogo,  7 agressões físicas,  06 acidentes de trabalho. Não foi registrada nenhuma morte por causa de violência. No mesmo período do ano passado o pronto socorro João Paulo II, realizou 382 atendimentos, e duas mortes.

Segundo o secretário estadual de Saúde, Williames Pimentel, mesmo com a queda no número de atendimento - fruto de uma política de conscientização desenvolvida por setores do governo de Rondônia ligados ao trânsito -, toda a estrutura da Saúde, em especial o João Paulo II e o Hospital de Base, estavam com reforço em sua equipe de plantão para dar suporte total, caso fosse necessária uma maior intervenção da equipe médica em socorro às possíveis vítimas.
 

BALANÇO POSITIVO

Ainda de acordo com o secretário Williames Pimentel, a Saúde fechou o ano de 2013 em pleno avanço. Números do setor de estatísticas da Secretaria Estadual de Saúde (Sesau) apontam que de janeiro a outubro deste ano foram realizadas mais de 22 mil internações nas unidades hospitalares da rede estadual. Mais de 5.500 cirurgias - todas de alta e média complexidade - , números que confirmam um crescimento na oferta de serviços superior a 30%, em comparação ao ano anterior, explica Pimentel.

Pimentel ressalta ainda que o mesmo estudo aponta, também, a realização de cerca de 100 mil exames laboratoriais e 50 mil diagnósticos por imagem. Um número recorde, se comparado ao caos que o setor de Saúde do Estado se encontrava quando o governador Confúcio Moura assumiu a gestão do Estado.

Ele afirma que foram implantadas novas  salas cirúrgicas no Hospital e Pronto Socorro João Paulo II e no Hospital de Base, e  dois novos serviços, AME e SAND - que atendem cerca de 100 pacientes em recuperação em casa. Também foram instalados dois tomógrafos, dando mais agilidade e qualidade aos exames - antes eram feitos no sistema terceirizado, custando muito caro ao Estado - por diagnóstico por imagens.

Fonte: Sângela Oliveira / Sesau/João Paulo II

Mais Sobre Polícia

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

O 5º Batalhão de Polícia Militar de Rondônia (5º BPM – Batalhão Belmont) realiza, nesta sexta-feira (23), às 19h, a formatura militar alusiva ao seu

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Na manha de hoje (21), a Polícia Rodoviária Federal participou da Operação Arinna, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime O