Porto Velho (RO) quinta-feira, 26 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Polícia

Comissariado faz balanço da fiscalização de Carnaval



Duas ações de fiscalização do Comissariado garantiram a proteção aos adolescentes durante o período de Carnaval em Porto Velho. Na Campanha Nacional contra a exploração sexual e a prostituição infantil, em parceria com a Secretaria Municipal de Ação Social, várias casas noturnas e motéis foram visitados pela equipe em Jacy Paraná, localidade considerada de risco, devido ao aumento da população local por conta da construção de uma das usinas hidrelétricas no rio Madeira.

A outra campanha, feita em parceria com o Ministério Público, se ateve aos estabelecimentos comerciais da capital, onde foram distribuídos cartazes, folders e orientações para coibir a venda de bebidas alcoólicas para menores, o uso de drogas, além do combate a exploração sexual de adolescentes.

O trabalho foi realizado durante todo o carnaval e seguiu um cronograma montado pelo Comissariado visando também o cadastramento dos estabelecimentos comerciais noturnos. Ao todo foram 40 incluídos no cadastro, dos quais, nove foram autuados: seis motéis, um bar, uma danceteria e um evento carnavalesco (Carnaval de Candeias).

Cerca de 15 estabelecimentos foram fiscalizados por noite. Em todos foram exigidos também a efetivação do cadastro perante o Juizado da Infância e da Juventude. Ou ainda o cumprimento do alvará, que regulamenta a realização de eventos. "Só de motéis, são 29 registrados", conta o chefe do Comissariado, Raiclin Lima da Silva, ao explicar a importância de se completar o mapeamento da Comarca.

A proposta foi apresentada pela Corregedoria-Geral da Justiça do TJRO em 2009 para ser executada em 2010. "Assim podemos ter um histórico de denúncias de cada estabelecimento", completa Raiclin.

Outro dado que entrou para o balanço das operações de Carnaval foi a verificação de uma denúncia repassada pelo Conselho Tutelar, através do serviço "Disque 100". Uma bailarina de 17 anos estava atuando numa banda de forró, com roupas e horários totalmente inadequados para a idade conforme o Estatuto da Criança e do Adolescente. A exposição da adolescente foi constatada e banda foi notificada sobre a irregularidade.

Capacitação

O trabalho que o Comissariado de Menores realiza na capital serve de base para a implantação dos serviços no interior. Com a criação de 24 funções gratificadas para comarcas de 1ª e 2ª entrâncias e Ji-Paraná (3ª), técnicos dessas localidades passaram a ser chefes de equipes, o que garante uma maior estrutura para atender todo o Estado.

Os novos chefes, nomeados neste ano, recebem capacitações ministrada pelos comissários da capital. Logo após o Carnaval alguns deles estiveram em Porto Velho para buscar orientações, materiais (coletes, formulários, identificações) para melhorar o trabalho nas comarcas onde atuam.

"É tudo muito novo, mas agora com a capacitação podemos superar as dificuldades", opina Daiane Gonçalves, chefe do comissariado de Nova Brasilândia. Ela voltou para casa com uma caixa de material e muita disposição para desempenhar a função que assumiu.

Fonte: Ascom TJRO

Mais Sobre Polícia

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

5º Batalhão da PM realiza formatura alusiva aos 27 anos, nesta sexta (23)

O 5º Batalhão de Polícia Militar de Rondônia (5º BPM – Batalhão Belmont) realiza, nesta sexta-feira (23), às 19h, a formatura militar alusiva ao seu

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Operação Arinna do MP/SP: PRF e RFB participam da operação para desarticular organização criminosa atuante na adulteração de combustível

Na manha de hoje (21), a Polícia Rodoviária Federal participou da Operação Arinna, deflagrada pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime O