Porto Velho (RO) quinta-feira, 5 de agosto de 2021
×
Gente de Opinião

Opinião

TENDÊNCIAS: idéia de Constituinte para reforma política é mau sinal


Agência O Globo SÃO PAULO - A menos que se trate de manobra diversionista em período eleitoral, a idéia de convocar uma Assembléia Constituinte exclusiva para efetuar uma reforma política indica uma incrível falta de estudo adequado do assunto e uma ausência de senso de prioridade por parte do presidente e do ministro Tarso Genro. Buscar uma reforma política em meio a temas mais prioritários para o desenvolvimento, como as reformas para resolver o problema estrutural das finanças públicas e assim abrir espaço para a melhoria do sistema tributário e para elevar os níveis de investimento público, mostra que Lula, se reeleito, poderia conduzir mal o esforço de reformas de que o Brasil precisa para aumentar o seu potencial de crescimento. Mesmo que a reforma política se justificasse diante de outros desafios, não seria necessário mudar a Constituição. E se fosse o caso de alterar a Carta Magna para aprovar o sistema distrital - o que tem baixas chances de aprovação - a mudança poderia ser feita por emenda e não por uma Assembléia Constituinte específica. A proposta mostra uma incapacidade de reflexão sobre temas complexos, o que deve ser motivo de preocupação, caso Lula seja reeleito e se oriente por intuição ou pela visão de seus atuais assessores políticos. (Mailson da Nóbrega)

Mais Sobre Opinião

Servidores e sindicatos, uni-vos!

Servidores e sindicatos, uni-vos!

Vem aí mais uma arapuca para tentar solapar garantias e direitos conquistados com muito sacrifício pelo funcionalismo, como a estabilidade da catego

Bento XVI critica os representantes da igreja alemã + Antissemitismo e extremismo em voga + Já 3.462 cristãos assassinados este ano na Nigéria

Bento XVI critica os representantes da igreja alemã + Antissemitismo e extremismo em voga + Já 3.462 cristãos assassinados este ano na Nigéria

BENTO XVI CRITICA OS REPRESENTANTES DA IGREJA ALEMàAlém de Funcionários Pessoas de FéAs palavras do Papa emérito, proferidas numa entrevista ("Última

Retorno às aulas é quase um suicídio

Retorno às aulas é quase um suicídio

A inconsequência parece mesmo não ter limites na conduta de dirigentes e autoridades públicas. Falar em retorno das aulas presencias na rede pública

Um bom sinal

Um bom sinal

. Há quem diga que nunca se roubou tanto dinheiro da sociedade como nos últimos dezenove anos.