Porto Velho (RO) domingo, 15 de dezembro de 2019
×
Gente de Opinião

Opinião

Quem vai para a porta do Supremo? (VÍDEO)


O filho do Jair Bolsonaro disse que bastavam um cabo e um soldado para fechar o Supremo. Não precisa nem de jipe. O ministro Celso de Mello protestou com veemência. O Golpista Fernando Henrique disse que a declaração tem cheiro de fascismo. De fato, a declaração do deputado Bolsonaro é inadmissível e cheira mal. Faz parte das manifestações autoritárias do candidato do PSL. Mas, por falar no mau cheiro do FHC, que cheiro tem o apoio que ele deu ao Golpe contra a Dilma? Que cheiro tem alguns votos do Gilmar, do Fux e do Barroso, o operário-padrão da Globo? O filho do Bolsonaro pisou na lei, ao ameaçar de fechar o Supremo. E o Supremo, que pisa na Constituição quando bem entende? O Supremo se desmoralizou com o Golpe - e não é o melhor defensor do Supremo. Nem do Estado de Direito! Faz parte da mesma sopa do filho do Bolsonaro, diria o Mino Carta! Quem iria para a porta do Supremo defender o Supremo Gilmar, por exemplo? A TV Afiada tem a resposta a essa instigante pergunta!

Duração: 8 minutos e 37 segundos | Visualizações: 420.688

Mais Sobre Opinião

Foi um sucesso o I Congresso Brasileiro dos Bacharéis em Direito do Brasil - Promovido pela Associação Nacional dos Bachareis do Brasil - ANB

Foi um sucesso o I Congresso Brasileiro dos Bacharéis em Direito do Brasil - Promovido pela Associação Nacional dos Bachareis do Brasil - ANB

Quero saudar o nobre causídico Dr.Carlos Schneider, DD. Presidente da Associação Nacional dos Bacharéis em Direito do Brasil- ANB,  juntamente com os

Resultados das Eleições Legislativas 2019 na diáspora portuguesa e apuramento nacional final

Resultados das Eleições Legislativas 2019 na diáspora portuguesa e apuramento nacional final

Finalmente (17.10.2019) foram apurados resultados dos votos das eleições legislativas na emigração.O círculo eleitoral da Europa, com direito a dois

Brexit: finalmente surgiu luz no fim do escuro túnel

Brexit: finalmente surgiu luz no fim do escuro túnel

Com o novo acordo do “Brexit” de Johnson, entre Londres e Bruxelas, é criado um bom precedente que possibilita uma participação comum do RU e da EU no

A polónia votou reconfortando os conservadores europeus

A polónia votou reconfortando os conservadores europeus

Entre as fúrias da direita e da esquerda pendula a democracia. Neste momento, o domínio semântico da Esquerda na Europa vai-se enfraquecendo, apesar d