Porto Velho (RO) quinta-feira, 22 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Opinião

O histórico jornalista Ciro Pinheiro no Circuito Cultural


O histórico jornalista Ciro Pinheiro no Circuito Cultural  - Gente de Opinião

O “Circuito Cultural” é levado ao ar aos sábados, das 12 às 13 horas, pelo Sistema Rondônia de Comunicação, Rádio FM 93,3 FM. O programa é veiculado em todo Estado de Rondônia e é apresentado pelo jornalista Dadá Batista.

Ciro Pinheiro é um cara esquisito, sabe que é importante e histórico no jornalismo de Rondônia mas publicamente, se coloca reticente ou desentendido e declara: “ Eu não tenho nada de diferente ou importante, só fiz meu trabalho”. Foi assim que respondeu ao “ Circuito Cultural” quando convidado para participar do programa... mas recebeu o troco: “Você é a própria história do jornalismo em Rondônia”. Aceitou e convite e daí, vai nos possibilitar “degustar”, neste sábado (13.10), um pouco da sabedoria, da humildade e como diria o poeta Carlos Pena Filho “ uns restos” da indignação do Ciro Pinheiro em relação a banalização do que chama de ” sociedade” atualmente na cidade de Porto Velho.

Ciro Pinheiro é cearense, 48 anos de profissão, 43 em Porto Velho, como redator e colunista do jornal Alto Madeira. Seu registro de jornalista profissional no Ministério do Trabalho tem o nº 0001-RO. Fundador do Sindicato dos Jornalistas, ex- presidente, fundador da Associação da Imprensa de Rondônia, primeiro presidente. Foi assessor de Imprensa de 10 prefeitos de Porto Velho e de 3 governadores de Rondônia. Também foi chefe do Cerimonial do Governo do Estado e da Assembleia Legislativa.

O jornalista Ciro, do alto dos seu 70 anos, é um trabalhador incansável, com vários projetos para os próximos anos, o mais importante, dentre vários que coversou com “Circuito Cultural”, é a elaboração da sua autobiografia. Certamente teremos, com esse trabalho, um respeitável, registro do jornalismo rondoniense, dos últimos 43 anos.

Vamos ouvir Ciro Pinheiro no Circuito Cultural neste sábado, 13 de outubro, e aprender um pouco com ele. Na era e na onda dos bloguistas ( nada contra pelo amor de Deus!!), fará bem pra nossa calma e paz.

Fonte:  “Circuito Cultural”

Mais Sobre Opinião

O bom do silêncio

O bom do silêncio

Bolsonaro disse que não adianta exigir dele a postura de estadista, por que não é estadista.

Meu cargo, minha vida

Meu cargo, minha vida

Bolsonaro se revelou um profundo conhecedor da natureza humana

Cada quadrado no seu quadrado

Cada quadrado no seu quadrado

Os argentinos são como são. E não querem nem aceitam conselhos.

Feliz dia de quem matou os pais!

Feliz dia de quem matou os pais!

Dia em que Suzane von Richthofen e Alexandre Nardoni estão de férias da prisão.