Porto Velho (RO) domingo, 18 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Opinião

O Bem ou o Mal? A decisão é sua!


 
Enfatizo que tenho estudado com assiduidade a Bíblia Sagrada e cada vez mais, salta aos olhos a realidade que vivemos dois reinos. Um reino de luz e um reino de trevas. Um reino de paz e um reino de guerras. Cada um de nós decide onde deseja viver. No reino do bem ou no reino do mal. Porque o livre arbítrio é direito do homem. Simples assim!

Um reino de amor e um reino de ódio. Um reino de DEUS e um reino de Lúcifer.

E existe contenda entre homens justos e homens ímpios. E esta briga é perene e sem trégua, ocorrendo desde o início, desde o desejo de Lúcifer, de se igualar ao Criador e promover uma rebelião, a qual veio causar sua expulsão do Éden, juntamente com um terço da legião de anjos que habitavam o paraíso.

Veja que o livre arbítrio já acontecia desde o princípio dos tempos, prezado leitor.

Em Gênesis capítulo 3, lemos sobre a queda do homem e percebemos que a decisão de Adão e Eva, trouxe conseqüências terríveis para toda a humanidade, e a partir da desobediência de ambos (pecado), o homem foi expulso do paraíso.

Recuperar o paraíso exigiu o sangue do cordeiro (JESUS), e custará esforço hercúleo, determinação e tenacidade de cada filho de DEUS. Não é á toa que está escrito que “a porta é estreita!”

Em Jeremias 21.8, lemos: “E a este povo dirás: Assim diz o Senhor: Eis que ponho diante de vós o caminho da vida e o caminho da morte”.

Sim meu prezado, temos diante de nós a opção de seguir o caminho do bem ou o caminho do mal. O primeiro é difícil, sofrido e angustiante, mas nunca impossível de ser concluído, porque DEUS não nos prova além de nossas forças.

Já o caminho do mal, é fácil, divertido e mui prazeroso. Consiste em enganar, mentir, passar os outros para trás, preocupando-se sempre com seu próprio “eu”, como um hedonista que tira o melhor de tudo, desconsiderando o direito dos outros.

Em Eclesiastes, este livro fantástico, mostra que há um tempo para todas as coisas: Tempo de nascer e tempo de morrer. Tempo de plantar e tempo de colher. Tempo de roubar e tempo de pagar.

Acautelai-vos, pois, vós que viveis na ociosidade, usufruindo bens obtidos com o suor de outros. O tempo é de BASTA!

Os brasileiros estão cansados de tanta hipocrisia, tanta maracutaia com dinheiro público e tanta impunidade dos corruptos de plantão, que chega a machucar a alma do trabalhador honesto.

Manifestações contra a corrupção se tornarão frequentes se continuarem as ações ilegais de homens públicos de todas as esferas de poder, porque o povo está no limite de sua tolerância. O povo já suportou demais o ataque ao seu próprio bolso, e após defenestrar Dilma por absoluta necessidade, está escolado e hábil para repetir tal operação, caso seja preciso.

Uni-vos cidadãos de bem! A causa é mais que justa! Amém!
Com carinho

* João Antonio Pagliosa
 Eng. Agrônomo pela UFRRJ em 1972.
joaoantoniopagliosa@gmail.com
www.palestrantejoaopagliosa.blogspot.com.br


 Curitiba, 30 de maio de 2016

 

Mais Sobre Opinião

Cada quadrado no seu quadrado

Cada quadrado no seu quadrado

Os argentinos são como são. E não querem nem aceitam conselhos.

Feliz dia de quem matou os pais!

Feliz dia de quem matou os pais!

Dia em que Suzane von Richthofen e Alexandre Nardoni estão de férias da prisão.

Brasil,  192 anos dos Cursos  Jurídicos  Salve o dia 11 de agosto, dia dos advogados

Brasil, 192 anos dos Cursos Jurídicos Salve o dia 11 de agosto, dia dos advogados

O Brasil, último país a acabar com a escravidão tem uma perversidade intrínseca na sua herança, que torna a nossa classe dominante enferma de desigual

Vagalumes nas trevas

Vagalumes nas trevas

Mas as trevas não são absolutas: há estrelas, há vagalumes, há réstias de luz