Porto Velho (RO) terça-feira, 20 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Opinião

FRANCISCO PANTERA: Che ... Vive!


Sem dúvida, a revista Veja é a maior revista semanária do País, sem dúvida, é a revista da grande burguesia brasileira aliada ao imperialismo sanguinolento americano.
Em sua edição de 03 de outubro, dedicou na capa uma reportagem sobre Che, intitulada “A farsa do Herói”. A máquina midiática, menina dos olhos dos banqueiros e dos grandes capitalistas resolveu atacar a história do líder revolucionário Che Guevara, que, neste mês completa 40 anos de sua morte.
Vale lembrar, que a revista veja pertence ao “Grupo Abril”, o mesmo que está envolvido na CPI que investiga o processo de compra da TVA, empresa controlada pelo grupo. Há suspeita de que uma cláusula do acordo de venda da empresa repassa para capitais estrangeiros o controle da operadora de televisão, o que viola o artigo 7º da Lei do Cabo de 1995.
A revista semanária foi buscar informações dos agentes da burguesia de Miami (parte cubana), que financia o terrorismo contra a revolução cubana, juntamente com o Pentágono e a Casa Branca que impulsionaram um bloqueio econômico de mais de 40 anos. Também foi buscar informações dos frustrados que foram derrotados quando tentaram invadir Cuba, dos que desejam destruir qualquer experiência socilaista na américa latina, em especial Cuba no quintal do império do norte.
A revista esqueceu de afirmar que quando a revolução triunfou em Cuba,  a ilha era um cabaré dos Estados Unidos, esqueceu também de afirmar que quase 95% de sua população era analfabeta e, que grande parte de seu povo era enfermo e, ainda, que o território de Cuba pertencia a meia dúzia de latifundiários.
Não é a primeira vez que um instrumento ideológico do estado capitalista tenta desmoralizar grandes personagens revolucionários. Chales Darwim, por sua teoria já foi exposto com o corpo de macaco e rosto de humano. Para desqualificar a obra genial de Marx e Engels, afirmaram que os dois tinham um caso amoroso. Também afirmaram que Lênin era um sanguinário doente e que Maó era um promíscuo sexual.
No entanto, é preciso entender que a propaganda burguesa está fazendo seu papel, ou seja, de apagar da mente do povo os ideais do socialismo, desmoralizando seus formuladores. No Brasil, esta mesma revista terceu comentários permiciosos contra os líderes comunistas, João Amazonas e Luis Carlos Prestes, como também, aos nacionalistas Miguel Arraz e Brizola.
Na visão dos comunistas, os líderes revolucionários não são mitos, nem martíres, são homens que vivem e viveram sua época num determinado momento histórico. Suas vírtudes e suas qualidades são exaltadas se cometerem erros. Estes erros são analisados criticamente. Até mesmo, porque, são seres humanos e todo ser humano é passivo de erro. Não edeusam nem santificam líderes, mas são capazes de exaltar os homens e mulheres que deram suas vidas pela causa do socialismo.
Quanto ao Che Guevara, ele está na galeria do maior líder da América Latina do século XX. Não é um mito da humanidade, mas um líder que defedeu um mundo socialmente justo e igual. Quanto ao seu pensamento de ir para o lixo, para o lixo vai a burguesia reacionária e seus líderes Busch, Hitler, Mussoline, entre outros facínoras da humanidade.
O pensamento de Che vive! Não morreu. Está na luta do povo latinoamericano que recentemente derrotaram o neoliberalismo e conquistaram governos populares no Brasil, Chile, Venezuela, Bolívia, Argentina, Equador, Nicarágua entre outros.
Como dizia o Che - “O pensamento do novo assombra o pensamento do velho”. E com certeza assombra a revista Veja e seus 50 patrocinadores que estão distribuídos nas suas 144 páginas da edição do dia 03 de outubro de 2007. Multimilionários capitalistas que tem suas riquesas roubadas do suor das classes trabalhadoras do Brasil e do mundo.
Francisco Pantera e Neyson Freire
Os autores são membros do Partido Comunista do Brasil (PcdoB)

Mais Sobre Opinião

Meu cargo, minha vida

Meu cargo, minha vida

Bolsonaro se revelou um profundo conhecedor da natureza humana

Cada quadrado no seu quadrado

Cada quadrado no seu quadrado

Os argentinos são como são. E não querem nem aceitam conselhos.

Feliz dia de quem matou os pais!

Feliz dia de quem matou os pais!

Dia em que Suzane von Richthofen e Alexandre Nardoni estão de férias da prisão.

Brasil,  192 anos dos Cursos  Jurídicos  Salve o dia 11 de agosto, dia dos advogados

Brasil, 192 anos dos Cursos Jurídicos Salve o dia 11 de agosto, dia dos advogados

O Brasil, último país a acabar com a escravidão tem uma perversidade intrínseca na sua herança, que torna a nossa classe dominante enferma de desigual