Porto Velho (RO) domingo, 25 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Opinião

Bomba de Joesley explica mudança de FHC


Gente de Opinião

Por Fernando Brito, editor do Tijolaço

A entrevista de Joesley Batista à revista Época, é evidente, foi a razão da súbita mudança de posição de Fernando Henrique Cardoso que, três dias depois de abençoar o “fico” dos tucanos no Governo Temer, passou a defender “um gesto de grandeza”, a renúncia de Michel Temer e antecipação das eleições.

Ou alguém acha que a Globo, tal como fez Joesley, não negociou lucrativamente o conhecimento prévio da “bomba” que tinha para detonar?

Depois do desastre Temer e do afundamento de Aécio Neves, ela precisa do que resta dos “cabeças brancas” do PSDB.

Fernando Henrique está disponível para assumir a rearticulação tucana. É confiável, respeitável (ao menos entre as elites) e dócil.

Por isso, é certo que a nitroglicerina da Época vazou antes para Higienópolis.

Entre a Globo e Temer não é difícil adivinhar a opção de Fernando Henrique.

Mais Sobre Opinião

A fogueira das vaidades

A fogueira das vaidades

O que até agora era bravata, “não é insulto, é o jeito dele”

O bom do silêncio

O bom do silêncio

Bolsonaro disse que não adianta exigir dele a postura de estadista, por que não é estadista.

Meu cargo, minha vida

Meu cargo, minha vida

Bolsonaro se revelou um profundo conhecedor da natureza humana

Cada quadrado no seu quadrado

Cada quadrado no seu quadrado

Os argentinos são como são. E não querem nem aceitam conselhos.