Porto Velho (RO) segunda-feira, 22 de julho de 2019
×
Gente de Opinião

Opinião

Aplausos, por favor! - Deixem as vaias pra outro dia.


Aplausos, por favor! - Deixem as vaias pra outro dia. - Gente de Opinião

Hoje mais um ano de vida e muitos instantes para festejar.

 

Tem mais riso do que raiva.

Tem mais história de gente que dá colorida na vida.

Tem cansaço que vale a pena.

Tem esperança.

 

Quem me conhece não esperava outra, com essa quilometragem de rio, ladeira, beco, aldeia, cemitério e maternidade.

Me agarro a uma historinha de Mia Couto para entender como consegui ser tão feliz até aqui.

 

“Quando Ho Chi Minh saiu da prisão e lhe perguntaram como conseguiu escrever versos tão cheios de ternura numa prisão tão desumana, ele respondeu: “Eu desvalorizei as paredes.”

 

Foi desse jeito.

Enxerguei o belo.

Paguei abraços e beijos em dia.

Provei da gratidão.

 

Posso mais e quem diz é meu pai Antônio Cândido da Silva com poesia:

 

“Trago em meu corpo caboclo

o embalo das montarias,

no banzeiro do meu rio.

O dom de encantar dos botos

a cantiga das Iaras

a força que o remo faz

pra vencer o desafio.”

 

Com rabissaca pra feiúra e um sorriso aberto e franco pro belo, sigo.

 

Tanto teimo que consigo ser imensamente feliz.



O Gente de Opinião deseja mil e umas felicidades!

E que sua OPINIÃO  sempre esteja presente.

Parabéns.

Mais Sobre Opinião

Limitar participação de sociedade civil no Conselho Nacional de Políticas sobre Drogas é um grande retrocesso, diz especialista

Limitar participação de sociedade civil no Conselho Nacional de Políticas sobre Drogas é um grande retrocesso, diz especialista

Decreto publicado no Diário Oficial da União desta segunda-feira (22), traz nova composição ao Conselho Nacional de Políticas sobre Drogas (CONAD) e r

O que dá pra rir dá pra chorar

O que dá pra rir dá pra chorar

Desemprego, miséria? Mas a fome no Brasil “é uma grande mentira”, diz Bolsonaro.

Filhote do espelho meu

Filhote do espelho meu

Uma ideia no mínimo controvertida

É de fritar bolinhos

É de fritar bolinhos

Por que Eduardo Bolsonaro poderia ser um bom embaixador do Brasil em Washington, segundo seu pai?