Porto Velho (RO) sábado, 23 de outubro de 2021
×
Gente de Opinião

Municípios

Rio Machado atinge cota máxima de cheia e alaga várias casas em Pimenta Bueno



Rios Barão e Melgaço e Pimenta Bueno causam aumento considerável no nível o rio Machado. Estado máximo de alerta até Ji-Paraná.

Daniel Panobianco – A região de Pimenta Bueno, distante cerca de 517 km de Porto Velho, sofre com a enchente do rio Machado, em virtude da cheia dos rios Barão de Melgaço e Pimenta Bueno. Devido às chuvas registradas no sábado, o nível subiu assustadoramente inundando boa parte da região ribeirinha. Até o inicio da madrugada deste domingo, as informações do Corpo de Bombeiros de Pimenta Bueno eram de que 6 famílias haviam sido retiradas de áreas já inundadas. Outras tantas já estavam convivendo com a enchente, porém se recusaram em sair de casa temendo furtos.

No interior do município, segundo a mesma fonte, várias propriedades rurais já estavam totalmente alagadas até o inicio da noite e ainda assim, o nível dos rios Pimenta Bueno e Barão de Melgaço continuavam subindo, atingindo 9,20 metros e 7,02 metros, respectivamente. Em outro ponto de coleta de dados, já no rio Machado, na localidade do sitio Bela Vista, a estação telemétrica da ANA (Agência Nacional de Águas) apurou para 6,89 metros, sendo que o normal é de 4,52 metros, ou seja, um aumento de 2,37 metros em menos de 24 horas. Antes da chuva, o nível do rio estava em 4,96 metros.

A enchente que atinge Pimenta Bueno já começa a refletir no nível do rio Machado em Cacoal. A régua utilizada pelo Corpo de Bombeiros subiu em duas horas, quase 20 cm. Diante de tamanha severidade no aumento do nível do rio Machado, a situação é de alerta máximo, até Ji-Paraná, que já vem convivendo com a enchente há uma semana. A previsão é de que o nível do rio volte a subir a partir da tarde deste domingo atingindo o pico máximo – próximo a 12 metros – na segunda-feira.

O limite máximo do rio Machado em Ji-Paraná, na atual enchente, foi de 11,45 metros registrados na noite da última quarta-feira (26). Com 11,45 metros, 1500 casas foram inundadas, 80 pessoas ficaram desabrigadas e 350 desalojadas.

Dados: Corpo de Bombeiros – ANA
Fonte: De olho no tempo

Mais Sobre Municípios

Vilhena cresce mais que Estado e Brasil em 2020 e 2021 gerando empregos e abrindo empresas

Vilhena cresce mais que Estado e Brasil em 2020 e 2021 gerando empregos e abrindo empresas

O bom momento econômico de Vilhena fica evidente com relatórios emitidos pelo Ministério do Trabalho (MTE) e pela Secretaria Municipal de Fazenda (S

Busca ativa é realizada para solucionar pendências de documentação à regularização de imóveis nos bairros Calama e Paraíso em Porto Velho

Busca ativa é realizada para solucionar pendências de documentação à regularização de imóveis nos bairros Calama e Paraíso em Porto Velho

A Prefeitura de Porto Velho encerra nesta sexta-feira (22), às 13h, uma ação de regularização dos imóveis localizados nos bairros Calama e Paraíso. O

Hildon Chaves defende a importância de projetos de sustentabilidade na Amazônia

Hildon Chaves defende a importância de projetos de sustentabilidade na Amazônia

O prefeito de Porto Velho, Hildon Chaves, participou na quinta-feira (21) da 300ª Reunião Ordinária do Conselho de Administração (CAS) da Superintendê

Complexo Beira Rio será sede da Prefeitura de Cacoal

Complexo Beira Rio será sede da Prefeitura de Cacoal

Visando por fim na antiga prefeitura no Centro de Cacoal, a atual administração está alterando a finalidade do Complexo Beiro Rio e levará, até o fi