Porto Velho (RO) sábado, 26 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Municípios

JI-PARANÁ: Câmara reconhece valor social da Ji-Cred


 

A Câmara de Vereadores de Ji-Paraná homenageou, na noite de ontem (29), a Ji-Cred (Cooperativa de Crédito Rural de Ji-Paraná), pela passagem dos dez anos de atividades da instituição. A vereadora Solange Pereira, autora da proposta, destacou que a moção honrosa concedida à instituição cooperativista de crédito é o reconhecimento público do poder legislativo e de toda a sociedade pelo trabalho desempenhado pela Ji-Cred e o comprometimento da cooperativa e de seus associados com o desenvolvimento econômico e social do município. “Estamos convencidos de que a Ji Cred se constitui em importante instrumento de promoção do desenvolvimento econômico e social”.

Representou a instituição cooperativista, o presidente, Milton Crevelaro; Gilberto Borgio, presidente do Sistema Credisis e também da Fundação Ji Cred, o sócio e idealizador da cooperativa, Neudair de Souza; e o diretor-executivo da Fundação Ji-Cred, Norberto Gohl. Na abertura da solenidade, o coral da Fundação Ji-Cred, formado por crianças e jovens atendidos pelos programas sociais da instituição, fez uma apresentação para as autoridades e o público presente.

“Ficamos muito felizes com essa homenagem, e sabemos que, se a Ji-Cred tem o seu lado financeiro, com muito sucesso, também temos o outro lado da moeda, que são as nossas atividades sociais, e que sinceramente nos deixam muito satisfeitos, porque são ações que mudam a vida de muitas pessoas aqui em Ji-Paraná”, disse o presidente da Ji-Cred, Milton Crevelaro.

“O cooperativismo é um fator de união e também de desenvolvimento. Estudos realizados em todo o mundo mostram que o IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) dos municípios que possuem forte ligação com o cooperativismo de crédito é superior, em relação aos demais municípios, e isso se traduz em maior qualidade de vida e bem-estar para a população”, explicou o presidente do Sistema Credisis, Gilberto Borgio.

O senador Valdir Raupp, presente à sessão, lembrou o poeta lusitano Fernando Pessoa: “tudo vale à pena, quando a alma não é pequena”, disse, ao enaltecer o trabalho desenvolvido pela Ji-Cred no campo social. O senador fez um breve relato de sua contribuição  pelo cooperativismo rondoniense e juntamente com os cooperativistas comemorou os resultados. Enquanto governador, Raupp apoiou e incentivou a criação das primeiras cooperativas em Rondônia. No senado trabalhou com afinco pela aprovação da Lei do Cooperativismo.
 
A deputada Marinha Raupp, responsável por uma emenda destinada à construção de uma quadra de esportes nas instalações do Espaço Social Sonho Meu, afirmou que a cooperativa Ji-Cred “coloca seus projetos sociais na prática e é um grande exemplo para os empreendedores de todo o país”. “Testemunhamos aqui nesta data o alcance econômico e social de um projeto idealizado por empresários que sempre acreditaram na força do trabalho associado ao bem estar coletivo. Este é um modelo de desenvolvimento de sucesso”.

Para o vice-prefeito de Ji-Paraná, José Otonio Lima Silva, “a Ji-Cred é um lugar de muito amigos e pessoas empreendedoras, que sempre batalharam pelo desenvolvimento de Ji-Paraná”. Já o presidente da Câmara, Nilton César Rios, lembrou que “a atuação da Ji-Cred no campo social é, sem dúvida, o principal motivo para a homenagem realizada na Câmara de Ji-Paraná, pois seus projetos sociais são motivo de orgulho para o município”.


História

A Ji-Cred foi fundada por um pequeno grupo de empresários em 2007, porém começou a funcionar efetivamente no dia 16 de julho de 1999, com um total de 72 associados e capital inicial de R$ 150 mil, tendo na oportunidade o presidente Milton Crevelaro e o vice-presidente Elton de Oliveira. Entre seus associados fundadores, Neudair de Souza foi um dos grandes incentivadores do projeto.

Dez anos depois, a cooperativa é formada por mais de 600 cooperados e acumula um capital de R$ 9 milhões, sendo uma das principais instituições financeiras de Ji-Paraná.  Possui destacada atuação no campo da responsabilidade social, com a realização efetiva de quatro importantes projetos nesta área: Espaço Social Sonho Meu, Cooperativa de Mulheres Artesam, Central de Abastecimento de Ji-Paraná e Aeroporto de Ji-Paraná.

Fonte: Edna Okabayashi

Mais Sobre Municípios

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes (Semtran), informa que foi confirmada a paralisaç

Comunicado Semtran - Avenida Campos Sales terá seu sentido de circulação alterado

Comunicado Semtran - Avenida Campos Sales terá seu sentido de circulação alterado

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes – SEMTRAN, comunica à população que a avenida Cam