Porto Velho (RO) domingo, 27 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Municípios

G.MIRIM - Jobim: 'fronteiras protegidas'


Guajará Mirim (RO) - O ministro da Defesa, Nelson Jobim, e a comitiva que o acompanha na visita às bases fronteiriças do Comando Militar da Amazônia (CMA) estão em Guajará-Mirim, Rondônia, a 330 quilômetros da capital Porto Velho.
Na pequena cidade de 40 mil habitantes, às margens do Rio Mamoré, o grupo visita o Comando de Fronteira de Rondônia, responsável por cuidar da fronteira com a Bolívia.
Ao fazer uma avaliação dos pelotões já visitados, Jobim elogiou os militares, afirmando que as fronteiras, apesar das dificuldades, estão bem protegidas.
"Os lugares estão muito bem guardados. A tropa é extraordinária, tem uma garra incrível. Há deficiências de equipamentos, e em alguns casos, de atendimento. Com as observações colhidas nos locais, teremos condições de programar isso [melhorias] de forma eficaz", afirmou.
Jobim voltou a falar da necessidade de uma maior integração entre as Forças Armadas e outros órgãos de Estado. "A presença militar na Amazônia não exclui as vinculações da atividade das Forças Armadas à integração com a Polícia Federal e o Ibama [Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis]".
O ministro disse que com o Plano Estratégico Nacional de Defesa, o governo quer fechar a Amazônia para a atividade do tráfico de drogas. Um comitê interministerial, criado no início de setembro, e presidido por Jobim, tem até setembro de 2008 para entregar a proposta do plano ao presidente da República, Luiz Inácio Lula da Silva.
"Por determinação do presidente, a Amazônia é uma prioridade", afirmou.G.MIRIM - Jobim: 'fronteiras protegidas' - Gente de Opinião
A comitiva viaja em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) e deve visitar ainda hoje (17) o pelotão especial sediado no Forte Príncipe da Beira. A edificação, a 30 quilômetros da sede da cidade de Costa Marques (RO), foi concluída em 1783 e é considerada patrimônio histórico.
Segundo o CMA, além de militares, 314 civis vivem nas imediações do forte, um dos mais antigos do país.
No final da tarde, o penúltimo dia da viagem que teve início na sexta-feira, o grupo seguirá para Porto Velho, onde passará a noite.
Fotos:  Guajará Mirim (RO) - O ministro da Defesa, Nelson Jobim, durante visita ao Comando de Fronteira de Rondônia, responsável pelos batalhões de áreas fronteiriças com a Bolívia, e ao 6° Batalhão de Infantaria e Selva (BIS). Antonio Cruz/ABr
Alex Rodrigues - Agência Brasil

Mais Sobre Municípios

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

Nota Pública - Paralisação do transporte urbano em Porto Velho

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes (Semtran), informa que foi confirmada a paralisaç

Comunicado Semtran - Avenida Campos Sales terá seu sentido de circulação alterado

Comunicado Semtran - Avenida Campos Sales terá seu sentido de circulação alterado

A Prefeitura de Porto Velho, através da Secretaria Municipal de Trânsito, Mobilidade e Transportes – SEMTRAN, comunica à população que a avenida Cam