Porto Velho (RO) sábado, 19 de setembro de 2020
×
Gente de Opinião

Municípios

Dengue: Vilhena intensifica combate ao novo vírus


A Prefeitura de Vilhena está intensificando todas as ações de combate a dengue. O motivo é a identificação de um novo vírus na região. O sorotipo 04, ainda não existia em Rondônia. Através de pesquisas da própria Divisão de Endemias do município, amostras foram enviadas para a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Agevisa) e o novo sorotipo foi confirmado em atuação na cidade.

Por causa desse novo vírus o município pode vir a enfrentar uma epidemia. Ao ser informado sobre a situação, o prefeito Zé Rover determinou que todas as ações de combate à doença fossem intensificadas. “Não há motivo para pânico, mas precisamos ter a consciência de que sozinha a Prefeitura não vai conseguir conter a dengue, precisamos de todos os moradores engajados nessa luta, mantendo os quintais limpos, verificando as calhas, não deixado entulho nos quintais”, pediu o prefeito, ao apelar para que todos verifiquem suas casas o mais rápido possível, para eliminar qualquer possível criadouro do mosquito transmissor da dengue.

O diretor da Divisão de Endemias, Paulo Cremasco, explicou que em 2012, houve 1108 casos de dengue confirmados no município. Destes, dois casos foram com complicação e dois pacientes vieram a óbito. Em 2013 já são mais de 100 casos notificados, aguardando a confirmação. “O número crescente já é possivelmente por causa desse novo vírus, por isso é tão importante a prevenção”, afirmou.

Dados da Divisão de Endemias dão conta de que a cada 10 casas em Vilhena, duas delas estão com criadouros do mosquito em algum ponto do quintal ou dentro da própria residência. Outra informação é de que 86% dos mosquitos são criados em entulhos de quintais. Por essa razão, a Prefeitura intensifica a partir dessa semana o bloqueio espacial, o fumacê, que está passando por todos os bairros. O pedido é que os moradores mantenham janelas e portas abertas durante o dia para que a fumaça faça efeito também contra os mosquitos que se abrigarem dentro das casas.

A s equipes de trabalho já foram reforçadas e a limpeza nos terrenos baldios também passa a ser contínua. Além disso, cerca de 100 agentes de saúde estão passando nas casas para orientar os moradores quanto aos cuidados e prevenção.

O prefeito afirmou que o reforço não está apenas na prevenção. No Hospital Regional foi criada uma sessão exclusiva para atendimento de pacientes com dengue. “Os pacientes com dengue não vão ocupar leitos junto com os demais, em um ambiente próprio, temos 20 cadeiras de reidratação, onde eles receberão atendimento enquanto ficam em observação médica, com conforto e sem necessidade de internação junto com os demais”, explicou.

O Secretário Municipal de Saúde, Vivaldo Carneiro, explicou que na Farmácia Básica o estoque de antitérmicos e analgésicos, usados no tratamento da doença, foi reforçado. “Todos os nossos profissionais também já estão orientados para prestar o atendimento de forma diferenciada aos pacientes que surgirem”, destacou.

Fonte: Semcom

Mais Sobre Municípios

Semusa promove ações de valorização da vida para profissionais de saúde

Semusa promove ações de valorização da vida para profissionais de saúde

Setembro é o mês de intensificação das ações de prevenção ao suicídio através da campanha Setembro Amarelo. Em um ano de pandemia, com o isolamento

Prefeitura de Rolim de Moura: Nota de pesar Doutor  Renê

Prefeitura de Rolim de Moura: Nota de pesar Doutor Renê

É com profunda tristeza que a prefeitura de Rolim de Moura (RO) comunica o falecimento do médico Renê Alfredo Delgadillo Salgueiro, vítima da COVID-

Doações do Imposto de Renda beneficia entidades sociais de Ji-Paraná

Doações do Imposto de Renda beneficia entidades sociais de Ji-Paraná

A Prefeitura de Ji-Paraná, por meio da Secretaria Municipal de Assistência Social (Semas) e o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolesce