Porto Velho (RO) segunda-feira, 30 de março de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Revendedora nos EUA dá revólver para quem compra carro



Uma revendedora de carros em Butler, no Estado do Missouri, nos Estados Unidos, está oferecendo uma arma de fogo para cada cliente que comprar um automóvel.

BBC Brasil


A promoção Guns and Gas (Armas e Gasolina), da revendedora de veículos Max Motors, dá ao cliente que comprar um carro a chance de escolher entre um revólver ou um cupom de gasolina no valor de U$250 (R$ 415).

"Até agora 80% dos clientes optaram pelo revólver", disse Walter Moore, um dos gerentes da loja, à rede de televisão KMBC.

De acordo com Moore, a loja entrega um certificado ao cliente para receber a arma, que só é entregue após a verificação de sua ficha criminal.

Sucesso

Na página da revendedora na internet, o anúncio da promoção, que está em vigor até o final do mês, afirma: "Sabemos que a América tem problemas com o crime e com a gasolina. A Max Motors quer ser parte da solução, não do problema".

O anúncio comenta o sucesso da promoção e diz: "A América ama armas de graça!"

A página traz ainda alguns comentários de clientes ou pessoas que apóiam a iniciativa da loja.

"Boa idéia, rapazes e não se preocupem com o que aqueles que odeiam armas irão dizer. Proteção é a chave e acho que isso ainda é a América", escreveu Danny Haines em um comentário publicado na quinta-feira.

Em entrevista à KMBC, um policial da região afirmou que a promoção pode acontecer, contanto que as armas não sejam entregues na revendedora.

 

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia