Porto Velho (RO) quinta-feira, 9 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Pior da crise na zona do euro já passou, diz BC Europeu


Renata Giraldi*
Agência Brasil

Brasília - O diretor do Banco Central Europeu, Mario Draghi, disse hoje (22) que “já passou” o pior da crise econômica internacional que atingiu vários países da zona do euro. Para ele, índices importantes, como as taxas de inflação e déficit orçamentário estão melhores nos países que integram a união monetária do que nos Estados Unidos.

Apesar de ter reiterado que ainda há riscos, Draghi disse que fica a cargo dos governos lidar com os desafios e “blindar” a zona do euro contra novas crises. O diretor defendeu ainda a decisão do Banco Central Europeu de injetar recursos em diversas instituições financeiras europeias, argumentando que a “situação crítica” do ano passado exigia medidas eficientes.

A crise econômica internacional provocou impactos principalmente na Grécia, na Espanha, na Itália, em Portugal e na França. Os gregos tiveram de apelar à compreensão da União Europeia e do Fundo Monetário Internacional (FMI) para conseguir honrar os compromissos.

Em Portugal, trabalhadores de várias categorias convocaram para hoje (22) uma paralisação geral em protesto contra a reforma laboral, que define mudanças na legislação. A greve atinge principalmente o setor de transporte público.

*Com informações da BBC Brasil
 

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia