Porto Velho (RO) sexta-feira, 19 de agosto de 2022
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Petróleo coloca Brasil na mídia mundial



BBC Brasil divulga destaques da imprensa mundial
sobre nova descoberta de petróleo

Ivan Richard
Agência Brasil


Brasília - A BBC Brasil reproduz hoje (23) trechos de matérias publicadas no jornal norte-americano Wall Street Journal e na revista semanal britânica The Economist nesta semana sobre a nova descoberta de petróleo na Bacia de Santos. Segundo o jornal americano, o anúncio feito na última quarta-feira (21) "esquenta especulações" sobre a a ascensão brasileira ao grupo dos grandes exportadores globais. A revista britânica traz artigo segundo o qual o Brasil é uma "superpotência econômica", que possivelmente se tornará uma potência de petróleo.

De acordo com a BBC Brasil, "a descoberta é a última em uma série de ações bem sucedidas da empresa [Petrobras], aumentando as esperanças de que o Brasil será a grande novidade em petróleo global". A agência cita trecho da publicação norte-americana, segundo o qual com o preço do petróleo batendo novos recordes, grandes descobertas no Brasil iriam aumentar o otimismo da indústria energética de que o país poderia suprir petróleo suficiente para manter o ritmo da crescente demanda.

As descobertas, de acordo com a BBC Brasil, seriam especialmente bem-vindas nos Estados Unidos, garantindo uma nova fonte de petróleo em seu hemisfério. A agência cita o jornal americano, segundo o qual "o foco de atenção é a Bacia de Santos, uma série de campos de petróleo potenciais enterrados sob milhas de águas oceânicas, terra e uma teimosa camada de sal. A perfuração exploratória em diferentes campos produziu petróleo bastante similar, alimentando uma excitante nova teoria: de que a bacia pode ser um contínuo mega-depósito de petróleo".

A BBC informa que o Wall Street Journal alerta para o otimismo exagerado, visto que "a exploração e a extração de petróleo em águas super-profundas são uma empreitada cara e arriscada". Mesmo com os riscos, diz o jornal americano, os investidores não estão esperando para apostar neste potencial. "A fatia da Petrobras negociada publicamente aumentou tanto este ano que o valor de mercado da companhia ultrapassou o de empresas de nomes conhecidos, como a General Electric e a Microsoft", afirma o jornal.

A agência pública de notícias inglesa dá destaque a afirmação do editorial "Uma superpotência econômica, e agora com petróleo também", da revista The Economist, segundo o qual "há motivos para se acreditar que a potência econômica da América do Sul de 190 milhões de habitantes está começando a fazer a diferença no mundo".

A revista, segundo a BBC Brasil, diz que a comparação do crescimento do Brasil com a forte expansão chinesa é "enganosa", já que a China é um país mais pobre. "É muito mais difícil para um país de média renda, como o Brasil, crescer neste ritmo", diz a revista.


 

VOCÊ PODE GOSTAR

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Uma missão para um país como Israel, que se reinventou superando adversidades naturais e políticas, torna-se de grande relevância estratégica para est

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

A Missão Internacional Israel, promovida pelo Sebrae em Rondônia deve gerar grande frutos em breve. Empreendedores rondonienses compuseram a comitiv

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Mais da metade da população europeia deve ser infectada pela variante Ômicron do coronavírus nas próximas seis a oito semanas, disse nesta terça-fei

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

Em 16 de novembro, durante uma difícil operação de busca e resgate a menos de 30 milhas náuticas da costa da Líbia no Mediterrâneo Central, a equipe