Porto Velho (RO) terça-feira, 24 de maio de 2022
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Nevasca cancela voos da TAM entre SP e Nova York


Mariana Jungmann
Agência Brasil

Brasília - A companhia aérea TAM cancelou os voos que partiriam hoje (3) de São Paulo para Nova York e, amanhã (4), de Nova York para São Paulo em função da forte nevasca que atinge a metrópole norte-americana. O voo JJ 8080 sairia do Brasil às 22h55 e o JJ 8083 decolaria dos Estados Unidos às 7h45 horário local.

A empresa informou, por meio de nota divulgada pela assessoria de imprensa, que os passageiros serão reacomodados em voos que partirão, neste sábado (4), de São Paulo (JJ9377), às 6h30, e de Nova York (JJ9378), às 15h, horários locais. Eles devem procurar a TAM para se informarem sobre os procedimentos de assistência que a companhia deve prestar.

A nota informa ainda que os passageiros ficarão isentos da cobrança das taxas de remarcação, reembolso e diferença tarifária nos próximos 30 dias. Os números da empresa para informações sobre o cancelamento de voos são 4002-5700 (capitais) e 0300-570-5700 (demais localidades).

A nevasca que atinge o Nordeste dos Estados Unidos desde a quinta-feira (2) afetou partidas e chegadas de voos no Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos, São Paulo, e o Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro/Galeão – Antonio Carlos Jobim.

Em Guarulhos, segundo a concessionária que administra o terminal, três partidas e quatro chegadas tiveram atraso devido à forte tempestade de neve. Os três voos previstos para o Aeroporto John Fitzgerald Kennedy, em Nova York, ontem (2) à noite, saíram atrasados. Na Delta Airlines, o voo 472 para Nova York, previsto para as 22h20 de ontem, decolou às 2h09 de hoje. O voo 950 da American Airlines, que decolaria às 23h05, partiu às 2h20 desta sexta-feira. O voo 8080 da TAM, previsto para as 22h55, saiu hoje às 6h58

Mais Sobre Mundo - Internacional

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Mais da metade da população europeia deve ser infectada pela variante Ômicron do coronavírus nas próximas seis a oito semanas, disse nesta terça-fei

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

Em 16 de novembro, durante uma difícil operação de busca e resgate a menos de 30 milhas náuticas da costa da Líbia no Mediterrâneo Central, a equipe

Com avanço nas Américas, Delta é "altamente preocupante", diz Organização Pan-Americana de Saúde

Com avanço nas Américas, Delta é "altamente preocupante", diz Organização Pan-Americana de Saúde

A variante Delta do novo coronavírus é "altamente preocupante", à medida que a mutação tem se espalhado para quase 20 países nas Américas, disseram