Porto Velho (RO) quarta-feira, 8 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Mudanças climáticas podem empurrar países de volta para a pobreza, alerta ONU


Agência Brasil 

Brasília - O secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, afirmou hoje (17), na Espanha, que as mudanças no clima podem empurrar os países em desenvolvimento de volta para a “armadilha da pobreza” e desfazer o progresso alcançado com as Metas do Milênio.

“É por isso que países industrializados precisam continuar a liderar a batalha contra as mudanças climáticas. Mas ao mesmo tempo, não podemos ignorar a realidade de que se os países em desenvolvimento falharem no esforço conjunto, pode não restar solução viável”, disse Ban Ki-moon, em entrevista coletiva divulgada pela assessoria de imprensa da ONU.

Segundo o relatório do Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC) da ONU lançado hoje, as vulnerabilidades às mudanças climáticas podem aumentar por fatores como insegurança alimentar, pobreza, conflitos e incidências de doenças como HIV/Aids.

Para os cientistas, a adaptação às mudanças climáticas pode reduzir essa vulnerabilidade, especialmente quando aliada a iniciativas em setores como água, agricultura, infraestrutura, saúde humana, turismo, transporte e energia. "Existem opções viáveis de adaptação que podem ser implementadas em alguns setores a baixo custo e/ou com alto nível de custo benefício”, diz o relatório.

Para o pesquisador do Instituto de Física da Universidade de São Paulo e integrante do IPCC, Paulo Artaxo, a distribuição das riquezas do nosso planeta ainda é “muito injusta” e precisa ser revista. “Um americano médio emite mais de 10 vezes o que um brasileiro médio emite e quase 50 vezes mais do que um indiano e chinês. Essa desigualdade é impossível de ser mantida.”

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia