Porto Velho (RO) sexta-feira, 12 de agosto de 2022
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Ministra peruana renúncia por desacordo sobre levante indígena



Confrontos entre policiais e indígenas deixaram mais de 30 pessoas mortas

A ministra peruana da Mulher, Carmen Vildoso, apresentou sua renúncia ao presidente Alan García na noite de segunda-feira por desacordo com relação à forma como o governo conduziu os brutais confrontos entre policiais e indígenas nos quais mais de 30 pessoas morreram.

"A ministra Carmen Vildoso apresentou sua carta de renúncia irrevogável ao presidente Alan García na noite de segunda-feira por discordar da formar como o governo manejou o conflito com os indígenas amazônicos e o enfrentamento de sexta-feira", disse hoje à Associated Press uma fonte no alto escalão do Ministério da Mulher.

A saída de Vildoso é a primeira desde a posse do segundo gabinete ministerial chefiado pelo primeiro-ministro Yehude Simon, há 11 meses.

A fonte acrescentou, no entanto, que o presidente Alan García não aceitou a renúncia da ministra.

Na noite de segunda-feira, indígenas amazônicos mantinham bloqueada a via que une as cidades de Tarapoto e Yurimaguas, na região de San Martín, mas negociações com a Defensoria do Povo garantiram que a estrada seria desbloqueada por quatro horas nesta terça-feira para permitir a passagem de alimentos e combustíveis.

Na última sexta-feira, a Amazônia peruana foi palco da morte de 23 policiais, cinco indígenas e quatro civis, segundo informações oficiais. Representantes indígenas afirmam que mais de 20 nativos morreram nos confrontos ocorridos a mais de 700 quilômetros de Lima.

Os protestos, qualificados pelo governo como "barbárie", parecem em vias de se intensificar com uma mobilização nacional de povos indígenas prevista para a quinta-feira, à qual se uniriam sindicatos, organizações políticas de esquerda e outros grupos.

Os nativos exigem a revogação de decretos governamentais que enfraqueceriam seus direitos sobre terras ancestrais ao permitir explorações de petróleo e gás por companhias transnacionais. 

Fonte: Agência Estado

Mais Sobre Mundo - Internacional

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Uma missão para um país como Israel, que se reinventou superando adversidades naturais e políticas, torna-se de grande relevância estratégica para est

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

A Missão Internacional Israel, promovida pelo Sebrae em Rondônia deve gerar grande frutos em breve. Empreendedores rondonienses compuseram a comitiv

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Mais da metade da população europeia deve ser infectada pela variante Ômicron do coronavírus nas próximas seis a oito semanas, disse nesta terça-fei

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

Em 16 de novembro, durante uma difícil operação de busca e resgate a menos de 30 milhas náuticas da costa da Líbia no Mediterrâneo Central, a equipe