Porto Velho (RO) quinta-feira, 9 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

México recebe 238 cubanos que estavam no Panamá



Da Agência Lusa

As autoridades mexicanas receberam ontem (9), no aeroporto de Ciudad Juárez, no estado de Chihuahua, 238 cubanos em dois voos procedentes do Panamá. Eles receberam um documento de visitantes por razões humanitárias.

Segundo um comunicado oficial, “em cumprimento de um acordo com países da América Central, o México vai oferecer apoio humanitário, numa medida excepcional, limitada e única, à transferência de 3.995 cubanos, bloqueados na fronteira do Panamá” com a Costa Rica desde janeiro.

“A fim de responder ao apelo urgente do governo do Panamá, o México decidiu continuar com o apoio excepcional que deu nas semanas anteriores e que permitirá a esse país irmão fazer frente a esse grave problema. Ao mesmo tempo, ambos os países acordaram colocar em marcha uma série de ações para prevenir e não incentivar novos fluxos”, diz a mesma nota.

Na segunda-feira, foram recebidas 238 pessoas – 166 homens, 71 mulheres e um menor de idade. A todos foi concedido um Documento Provisório por Razões Humanitárias, que lhes oferece estadia no país por 20 dias. Findo esse prazo, devem abandonar o território mexicano.

Com estas ações, o México “referenda o seu compromisso com a proteção e salvaguarda dos direitos humanos de todos os estrangeiros que transitam por território nacional, independentemente da sua condição migratória”, diz a mesma nota.

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia