Porto Velho (RO) terça-feira, 12 de novembro de 2019
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

'Menos desigualdades, mais diferenças' pede Papa Francisco


O Papa Francisco elogia as empresas que durante a crise reduziram sua margem de lucro em benefício dos postos de trabalho e critica as economias nas quais a palavra ‘solidariedade’ é quase um ‘palavrão’.

Em vídeomensagem enviada ao III Festival da Doutrina Social da Igreja, que decorre até domingo em Verona (norte da Itália), o Pontífice aponta as cooperativas como forma de gestão empresarial e adverte que deixar de lado os jovens desempregados é “uma hipoteca para o futuro”.

“A Doutrina Social não tolera que os benefícios sejam exclusivamente de quem produz; que a questão social seja delegada ao Estado ou às operações de assistência e voluntariado... É preciso coragem, decisão e a força da fé para estar dentro do mercado, mas colocando no centro a dignidade da pessoa e não o ídolo dinheiro. A solidariedade é uma palavra-chave na Doutrina Social da Igreja”, afirmou o Papa Francisco.

O tema do Festival de Verona é “Menos desigualdades, mais diferenças” e evidencia a riqueza da pluralidade das pessoas como expressão de talentos pessoais, tomando distância da homologação que mortifica e cria desigualdade.

Fonte: Rádio Vaticano
 

Mais Sobre Mundo - Internacional

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia

As mulheres e os homens mais compridos do mundo

As mulheres e os homens mais compridos do mundo

Segundo um estudo feito por 800 cientistas do Imperial College em Londres (1) sobre o desenvolvimento da altura das pessoas adultas nos últimos 100