Porto Velho (RO) sexta-feira, 10 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Mandela tem recaída e está com infecção pulmonar


Renata Giraldi
Agência Brasil


Brasília – O ex-presidente da África do Sul Nelson Mandela, 94 anos, teve uma recaída e está com infecção pulmonar. Em comunicado, a Presidência da República sul-africana informou que Mandela reage bem ao tratamento. O texto não inclui detalhes sobre o tratamento dispensado ao ex-presidente. Mandela está internado no Hospital Militar de Pretória, capital administrativa da África do Sul, desde sábado (8).

“Os médicos concluíram os exames que revelaram a recorrência de uma infecção pulmonar. Madiba [apelido de Mandela] está recebendo tratamento adequado e respondendo [ao tratamento]”, diz o comunicado.

No domingo (9) Mandela recebeu a visita do presidente da África do Sul, Jacob Zuma.

Responsável pelo fim do apartheid, regime de segregação racial na África do Sul, Mandela conquistou o respeito de adversários e críticos devido aos esforços em busca da paz. Mandela foi o primeiro presidente negro da África do Sul, de 1994 a 1999, e recebeu o Prêmio Nobel da Paz, em 1993. O líder é chamado, em seu país, de o Pai da Pátria.

A Organização das Nações Unidas (ONU) instituiu o dia 18 de julho, aniversário do líder sul-africano, como Dia Internacional Nelson Mandela em defesa da luta pela liberdade, justiça e democracia.

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia