Porto Velho (RO) sexta-feira, 19 de agosto de 2022
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Mais de 300 pessoas morreram na Síria em apenas um dia


Renata Giraldi
Agência Brasil

Brasília – A violência na Síria provocou a morte de mais de 300 pessoas ontem (19) no país, segundo organizações não governamentais (ONGs), incluindo o chefe da Segurança Nacional, Hicham Ikhtiar. Ele havia ficado ferido há dois dias quando um homem-bomba provocou uma explosão no centro de Damasco, mas não resistiu e morreu. Os ministros da Defesa, Daoud Rajha, e do Interior, Assef Shawkat, cunhado do presidente sírio, Bashar Al Assad, morreram no mesmo incidente.

O ataque, ocorrido há dois dias, foi assumido pelo Exército Sírio Livre, que combate os agentes de segurança do governo Bashar Al Assad. Há 16 meses a onda de violência atinge o país, deixando mais de 16 mil mortos, inclusive crianças.

De acordo com a ONG Observatório Sírio dos Direitos Humanos, ontem foi um dos dias mais violentos no país desde que eclodiram os conflitos na região, em março de 2011. “É o balanço mais pesado desde o início da revolta, quer seja para os civis, rebeldes ou soldados”, disse o presidente da organização, Rami Abdel Rahmane.


*Com informações da agência pública de notícias de Portugal, Lusa // Edição: Juliana Andrade

VOCÊ PODE GOSTAR

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Uma missão para um país como Israel, que se reinventou superando adversidades naturais e políticas, torna-se de grande relevância estratégica para est

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

A Missão Internacional Israel, promovida pelo Sebrae em Rondônia deve gerar grande frutos em breve. Empreendedores rondonienses compuseram a comitiv

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Mais da metade da população europeia deve ser infectada pela variante Ômicron do coronavírus nas próximas seis a oito semanas, disse nesta terça-fei

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

Em 16 de novembro, durante uma difícil operação de busca e resgate a menos de 30 milhas náuticas da costa da Líbia no Mediterrâneo Central, a equipe