Porto Velho (RO) quinta-feira, 9 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Irã lança satélite de observação no espaço


Renata Giraldi*
Agência Brasil

Brasília - O presidente do Irã, Mahmoud Ahmadinejad, determinou, por videoconferência, o lançamento hoje (3) de um satélite de observação para o espaço. O chefe da Agência Espacial do Irã, Hamid Fazeli, informou que o satélite Navid foi lançado com sucesso e ficará em órbita de 250 quilômetros (km) a 370 km de altitude.

O lançamento do satélite ocorre no momento em que a comunidade internacional quer retomar a discussão para intensificar as sanções ao Irã. Ontem (2), o Parlamento da União Europeia aprovou uma moção em defesa de mais restrições ao Irã como forma de o governo abandonar o desenvolvimento do programa nuclear no país, que é suspeito de produzir armas atômicas. O país é alvo de sanções econômicas, financeiras e comerciais, intensificadas desde 2010.

Ahmadinejad disse que o satélite faz parte do projeto denominado Promessa de Ciência e Indústria. Fazeli destacou que o objetivo com o lançamento do satélite é fazer testes e filmar a Terra com maior precisão. O satélite tem 50 quilos e pode ser usado em várias áreas – meteorologia para a gestão de desastres naturais e medição da temperatura e umidade do ar.

De acordo com Fazeli, o satélite tem sensores e foi construído por alunos da Universidade de Tecnologia de Sharif sob supervisão do professor doutor Hossein Bolandi, que integra a equipe do Conselho Superior do Espaço do Irã.

*Com informações da agência estatal de notícias do Irã, a Irna.
 

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia