Porto Velho (RO) sexta-feira, 3 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Irã anuncia retaliação a navios dos Estados Unidos que estão no Golfo Pérsico


 
Renata Giraldi
Agência Brasil

Brasília – O governo do Irã prepara uma ofensiva aos Estados Unidos por terem liderado as sanções ao país no Conselho de Segurança das Nações Unidas e também por meio do Departamento do Tesouro. Em resposta às resoluções, o Irã pretende retaliar os navios de carga que estão sob inspeção na região do Golfo Pérsico. As informações são da agência oficial de notícias do Irã, Irna, e também da televisão estatal, PressTV.

A decisão foi anunciada pelo chefe da Comissão de Segurança Nacional e Política Externa do Irã, Majlis Alaeddin Boroujerdi. Depois de uma reunião com o comandante da Marinha iraniana, almirante Habibollah Sayyari, Boroujerdi anunciou a medida.

“Nossas forças navais vão responder da mesma forma [aos Estados Unidos], se os nossos cargueiros forem inspecionados [conforme as regras impostas nas sanções aprovadas recentemente]", disse Boroujerdi, depois da reunião com Sayyari.

De acordo com a Irna, Boroujerdi afirmou que a inspeção dos navios de carga, conforme as resoluções aprovadas, é medida que atenta à soberania do Irã. Segundo ele, a presença de grandes potências no Golfo Pérsico e no Mar de Omã é uma demonstração de arrogância. “A presença de forças estrangeiras em nossos mares está fora de questão e não vamos permitir que potências arrogantes enfraqueçam a soberania da República Islâmica", disse Boroujerdi.

Desde o último dia 9, várias sanções ao Irã são aprovadas – por meio das Nações Unidas, dos Estados Unidos e da União Europeia. Algumas delas atingem diretamente a frota iraniana pois autorizam parar as operações dos navios de carga do Irã como punição à decisão do presidente Mahmoud Ahmadinejad de dar continuidade ao programa nuclear.

Ahmadinejad e interlocutores negam a fabricação de armas atômicas. Ontem (21) o governo iraniano proibiu a entrada de dois inspetores da Agência Internacional de Energia Atômica (Aiea). Segundo as autoridades do Irã, os especialistas elaboraram um falso relatório sobre o programa nuclear. As autoridades iranianas afirmaram que vão autorizar as inspeções nas usinas nucleares do país desde que sejam trocados os inspetores.

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia