Porto Velho (RO) quarta-feira, 19 de janeiro de 2022
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Inflação ao consumidor na Alemanha fecha fevereiro em 1,6%


Agência O Globo SÃO PAULO - O índice de preços ao consumidor da Alemanha registrou alta de 1,6% entre os meses de fevereiro de 2006 e deste ano. Em janeiro, a taxa de inflação anual também havia sido de 1,6%. Entre o primeiro e segundo mês de 2007, houve elevação de 0,4% no indicador. Em fevereiro, os preços dos produtos derivados de petróleo pressionaram para baixo a taxa anual de inflação. Desconsiderando esses produtos, a taxa teria sido de 1,9% no período. Na comparação com o ano passado, tanto os preços de combustíveis para residência e para motores caíram, com retração de 8,4% e 1%, respectivamente. Em compensação, os preços de outros produtos de energia continuaram em alta na base anual. O gás teve aumento de 8,6% e a eletricidade subiu 6,2%. Os preços de alimentos e bebidas não-alcoólicas subiram em média 2% em relação a fevereiro de 2006. Já no caso dos eletrônicos, a tendência de preços continua de baixa, com destaque para a retração de 23,1% nos preços de computadores e de 14,3% nos das TVs. Essas informações foram divulgadas hoje pelo Destatis, a agência oficial de estatística da Alemanha. (José Sergio Osse | Valor Online)

Mais Sobre Mundo - Internacional

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Mais da metade da população europeia deve ser infectada pela variante Ômicron do coronavírus nas próximas seis a oito semanas, disse nesta terça-fei

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

Em 16 de novembro, durante uma difícil operação de busca e resgate a menos de 30 milhas náuticas da costa da Líbia no Mediterrâneo Central, a equipe

Com avanço nas Américas, Delta é "altamente preocupante", diz Organização Pan-Americana de Saúde

Com avanço nas Américas, Delta é "altamente preocupante", diz Organização Pan-Americana de Saúde

A variante Delta do novo coronavírus é "altamente preocupante", à medida que a mutação tem se espalhado para quase 20 países nas Américas, disseram