Porto Velho (RO) quarta-feira, 15 de agosto de 2018
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Fed não pode ceder à complacência no combate à alta da inflação, diz diretor


Agência O GloboSÃO PAULO - Nos últimos 30 anos, a inflação está mais baixa e sua trajetória está sujeita a menos volatilidade, afirmou hoje o diretor do Federal Reserve (Fed, banco central americano) Randall Kroszner. Para ele, esse quadro mostra a importância do compromisso da autoridade monetária com a estabilidade da moeda, frisando que o Fed não pode ser complacente diante de riscos de pressões inflacionárias." As expectativas de inflação ficaram bem ancoradas porque o público se tornou confiante de que o Fed vai fazer a coisa certa. Mas essa crença só irá persistir enquanto nós, no Comitê de Política Monetária (Fomc, na sigla em inglês), continuarmos a confirmar a expectativa de que a inflação vai permanecer baixa e estável " , declarou ele, que é um dos membros votantes do Fomc. " Complacência seria uma ameaça à credibilidade que o Fed trabalhou tão duro para conquistar. "Ele sublinhou, porém, que os formuladores da política monetária precisam levar em conta dados variados sobre a economia, tendo uma " abordagem eclética " ao decidir o futuro da taxa de juros. " A perspectiva de inflação de curto prazo deve ser mais determinada por fatores de custo, como o crescimento da produtividade e o preço das matérias-primas, do que pelo aperto dos mercados de trabalho e de produtos " , disse ele, em discurso hoje. " A fraca relação entre inflação e taxa de desemprego significa que hoje é provavelmente mais difícil do que nunca medir o potencial produtivo da economia - e assim estimar os chamados hiatos de produção -, especialmente em tempo real. " Kroszner acredita que há muitos pontos ainda desconhecidos sobre o processo inflacionário, o que exige um " certo grau de humildade e mente aberta " na hora de avaliar os dados econômicos. (Valor Online)

Mais Sobre Mundo - Internacional

Turquia dobra tarifas sobre alguns produtos dos EUA; lira se recupera

Turquia dobra tarifas sobre alguns produtos dos EUA; lira se recupera

Um decreto assinado pelo presidente Tayyip Erdogan dobrou as tarifas turcas de carros de passageiros para 120¨%, de bebidas alcoólicas para 140% e de

Imigrantes italianos. Quando os refugiados eram eles -  Por: Equipe Oásis

Imigrantes italianos. Quando os refugiados eram eles - Por: Equipe Oásis

A partir de 1861, cerca de 30 milhões de italianos emigraram em busca da sorte no estrangeiro. Deles, boa parte veio para o Brasil.

Chefe do Pentágono cobra do Brasil maior distanciamento da China

Chefe do Pentágono cobra do Brasil maior distanciamento da China

Com o Brasil reconvertido em quintal dos Estados Unidos, após o golpe de 2016, que entregou riquezas como o pré-sal às petroleiras internacionais e a

Juristas internacionais denunciam irregularidades no julgamento de Lula

Juristas internacionais denunciam irregularidades no julgamento de Lula

Em carta enviada de Paris ao Supremo Tribunal Federal, dez juristas e advogados europeus e latino-americanos denunciaram nesta quinta-feira ilegalidad