Porto Velho (RO) terça-feira, 9 de agosto de 2022
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Explosão em usina nuclear no Japão deixa feridos



Portal R7

Uma explosão na usina nuclear Fukushima 1, no Japão, deixou ao menos quatro feridos neste sábado (12), informaram vários veículos da imprensa japonesa. A central atômica foi gravemente afetada pelo terremoto de 8,9 graus na escala Richter e pelos tsunamis que atingiram o nordeste do país nesta sexta-feira (11).

Ainda não está claro qual é a extensão da explosão, embora a televisão japonesa tenha relatado que partes do teto e do muro do local desabaram. Também não se sabe se o vazamento nuclear detectado anteriormente foi agravado pelo acidente. A France Presse relatou uma "grande nuvem de fumaça branca" nos arredores da central atômica.

As autoridades japonesas aconselharam os moradores dos arredores a ficar dentro de casa, com portas e janelas fechadas e sistemas de ar-condicionado desligados. Os serviços de emergência também pediram que a população usasse máscaras ou toalhas para cobrir o rosto, em uma aparente tentativa de diminuir os riscos de contaminação nuclear.

Mais cedo, a Agência de Segurança Nuclear e Industrial do Japão tinha informado que era "altamente provável" que o reator nuclear da usina Fukushima 1 estivesse se fundindo. Segundo a emissora de televisão local NHK, a explosão ocorreu às 16h da hora local (4h de Brasília).

Fontes da agência nuclear citadas pela rede de TV CNN também disseram que "há grande possibilidade" de que o vazamento tenha sido provocado pelo início do derretimento do reator radioativo, embora tenham afirmado que o incidente "não representa risco imediato" para a população.

Um porta-voz da companhia elétrica Tokyo Electric Power (Tepco), titular da central, negou que tal fenômeno esteja acontecendo e afirmou que a companhia estava tentando fazer subir o nível de água para esfriar o reator.

De acordo com informações da agência de notícias Kyodo, césio radioativo foi detectado neste sábado perto da usina, que enfrenta uma série de problemas desde o violento terremoto. A televisão japonesa diz que o nível de radioatividade é 20 vezes maior do que o normal nos arredores da central atômica.
 

Usina liberou vapor radioativo

Mais cedo, a Tokyo Electric Power (Tepco), titular da central, informou ter liberado vapor radioativo no ar para reduzir a pressão excessiva no reator da central de geração de energia.


 

Mais Sobre Mundo - Internacional

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Uma missão para um país como Israel, que se reinventou superando adversidades naturais e políticas, torna-se de grande relevância estratégica para est

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

A Missão Internacional Israel, promovida pelo Sebrae em Rondônia deve gerar grande frutos em breve. Empreendedores rondonienses compuseram a comitiv

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Mais da metade da população europeia deve ser infectada pela variante Ômicron do coronavírus nas próximas seis a oito semanas, disse nesta terça-fei

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

Em 16 de novembro, durante uma difícil operação de busca e resgate a menos de 30 milhas náuticas da costa da Líbia no Mediterrâneo Central, a equipe