Porto Velho (RO) quarta-feira, 8 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Estados Unidos começam a retirar tropas do Iraque


Renata Giraldi*
Agência Brasil


Brasília – O governo dos Estados Unidos começou a retirar as tropas do Iraque. Nos primeiros dias da operação, centenas de caminhões transportando veículos blindados e equipamentos militares deixaram o país. Do Iraque, os caminhões seguem em direção ao Kuwait. Para especialistas, é um movimento histórico depois de oito anos de ocupação estrangeira do território iraquiano.

O porta-voz do governo do Iraque, Ali Al Dabbagh, disse que 485 homens norte-americanos deixaram suas bases no país. Segundo ele, a saída faz parte de uma série de acordos firmados entre os Estados Unidos e o Iraque. O objetivo é retirar todas as tropas até o final deste ano.

Alegando que o Iraque produzia armas de destruição em massa, os Estados Unidos, com apoio de vários países, declararam a necessidade de ocupação da região. Em março, tropas norte-americanas e estrangeiras invadiram o território iraquiano. Por ar, houve vários ataques.

O governo do então presidente Saddam Husseim tentou resistir à invasão. Ele foi capturado, julgado e morto. O novo governo do país recebeu apoio dos norte-americanos e europeus. Pelo acordo, segundo as autoridades iraquianas, não será permitida a presença de bases militares norte-americanas no país.

Porém, está autorizada a contratação de especialistas e peritos dos Estados Unidos no Iraque com o objetivo de treinar as Forças Armadas iraquianas.

*Com informações da agência pública de notícias da Argentina, a Telam // Edição: Juliana Andrade

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia