Porto Velho (RO) domingo, 5 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Dilma viaja para Fórum Econômico após inaugurar estádio


Dilma viaja para Fórum Econômico após inaugurar estádio - Gente de OpiniãoPaulo Victor Chagas e Wellton Máximo
Agência Brasil Edição

Brasília - A presidenta Dilma Rousseff viaja hoje (22) à noite para a Suíça, onde participará do Fórum Econômico Mundial, em Davos. Ela aproveitará a viagem para se reunir com o presidente da Federação Internacional de Futebol (Fifa), Joseph Blatter, com quem deverá discutir os preparativos do Brasil para sediar a Copa do Mundo deste ano.

Esta será a primeira vez que Dilma participará do Fórum Econômico. Ela embarcará após acompanhar a inauguração da Arena das Dunas, em Natal. A chegada a Davos está prevista para a manhã desta quinta-feira (23). No mesmo dia, Dilma fará visita de cortesia a Blatter, às 15h, horário local (12h em Brasília).

Na sexta-feira (24), a presidenta discursa na plenária do Fórum Econômico Mundial, às 14h15. Depois, participa do Conselho Internacional de Negócios, onde se reúnem presidentes de empresas de diversos países.

A volta de Dilma está prevista para sábado (25) de manhã. Ela viajará diretamente para Havana, em Cuba, onde participa da Cúpula da Comunidade dos Estados Latino-Americanos e Caribenhos (Celac).

Realizado todos os anos no resort de Davos, nos Alpes Suíços, o Fórum Econômico Mundial reúne líderes mundiais, empresários, intelectuais e jornalistas para discutir a situação da economia global. O encontro, no entanto, também debate temas políticos relacionados à melhoria do ambiente mundial de negócios.

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia