Porto Velho (RO) segunda-feira, 6 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Dilma cumprimenta Michelle Bachelet pelo Twitter


Yara Aquino
Agência Brasil

Brasília – A presidenta Dilma Rousseff usou hoje (16) sua conta no microblog Twitter para saudar Michelle Bachelet pela eleição à Presidência do Chile. Dilma escreveu que Brasil e Chile têm muito a cooperar e construir juntos e disse estar certa de que seu governo e o de Bachelet vão aprofundar ainda mais as relações entre os dois países.

“#BrasilChile tem muito a cooperar e a construir juntos. Temos uma compreensão clara do papel da integração da América do Sul”, escreveu no microblog. Dilma ainda cumprimentou os chilenos por mais uma eleição democrática.

A socialista Michelle Bachelet foi eleita ontem (15) presidenta do Chile, pela segunda vez. Ela obteve 63% dos votos no segundo turno, derrotando a adversária Evelyn Matthei, que representa a aliança de centro-direita. Matthei, a candidata do atual governo, teve 38% dos votos.

Com a vitória, Bachelet é a primeira mulher eleita e reeleita para a Presidência do Chile. Ela governou o país de 2006 a 2010, deixando o lugar para o atual presidente, Sebastián Piñera. Pela legislação chilena, os presidentes não têm direito a dois mandatos consecutivos.

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia