Porto Velho (RO) sábado, 25 de maio de 2019
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Conheça TikTok, o app mais baixado que Instagram e Facebook nos EUA


TikTok, Anteriormente chamado de Musical.ly, é um aplicativo que permite gravar vídeos curtos, geralmente com dublagens musicais, danças, clipes ou cenas de humor. O app chegou à lista dos mais baixados nos Estados Unidos no mês de outubro, contado com 130 milhões de usuários, e ficando à frente de Instagram e Facebook. O serviço é febre entre o público jovem asiático, especialmente entre os chineses, mas também faz sucesso no Brasil. Influenciadores famosos em outras redes sociais, como Winderson Nunes, já bateram a marca de 200 mil fãs no TikTok.

O crescimento da popularidade do aplicativo se deu após a fusão com o antigo Musical.ly, em agosto deste ano. Na ocasião, os usuários foram migrados automaticamente para a nova plataforma e passou a receber novos usuários. A seguir, entenda por que o TikTok está fazendo tanto sucesso.




TikTok grava vídeos curtos de dublagens e faz sucesso entre jovens — Foto: Divulgação/TikTok


1. O que é o TikTok?

O TikTok é um aplicativo para Android e iPhone (iOS) voltado exclusivamente para a gravação e publicação de vídeos curtos, que podem ter de 15 a 60 segundos, tendo a dublagem como foco principal. As dublagens mais famosas são, em sua maioria, realizadas por pessoas utilizando um tom de humor ou fazendo coreografias de dança. Também é permitido gravar vídeos sem o recurso da dublagem, utilizando o áudio do microfone. O aplicativo tem formato de rede social e os usuários podem seguir os perfis uns dos outros, curtir, comentar e compartilhar publicações. Para acessar, é possível usar e-mail ou dados do FacebookGoogle ou Twitter.


2. Principais funções

Para realizar as dublagens, o usuário pode acessar um extenso catálogo do próprio TikTok, que disponibiliza músicas nacionais e internacionais. As faixas são separadas por categoria, entre as mais famosas do momento ou por gênero musical. Ao visualizar um vídeo de um amigo, o aplicativo também exibe o nome do artista e da música utilizada naquela dublagem, para que o usuário também tenha acesso a ela. Ao gravar um vídeo ou enviar um arquivo da galeria, é possível mixar o volume do som ambiente e da faixa escolhida para criar uma sonoridade ideal.




TikTok permite curtir, comentar e reagir aos vídeos de dublagens dos amigos — Foto: Divulgação/TikTok


3. Fusão entre TikTok e Musical.ly

Em agosto de 2018, o antigo aplicativo de dublagens Musical.ly foi comprado pela ByteDance, mantenedora do já existente TikTok, em uma operação que custou US$ 1 milhão. Após a compra, os dois serviços foram fundidos e o nome TikTok foi mantido, com o objetivo de se tornar o principal app de vídeos curtos com alcance mundial. Na época da transação, o Musical.ly acabara de atingir a marca de 100 milhões de usuários ativos mensais.

Todos os usuários da antiga plataforma foram migrados automaticamente para o novo app, sem a necessidade de criar um novo perfil. A nova versão foi repaginada e ganhou novos recursos de edição de vídeos, com o objetivo de estimular a criatividade do público através dos vídeos.



4. TikTok em números

Três meses após a fusão, os downloads do aplicativo aumentaram em 20%, fazendo com que o TikTok alcançasse a marca de 130 milhões de usuários no mês de outubro, superando redes sociais famosas, como InstagramFacebookYoutube e Snapchat nos Estados Unidos. Fazendo um comparativo, no mesmo período, o Snapchat perdeu usuários e o Twitter manteve sua base de ativos.



TikTok apresenta crescimento enquanto outras redes perdem usuários — Foto: Reprodução/Apptopia


Na China, país onde o TikTok também se destaca, quase 9% de todo o tempo online dos usuários é destinado aos vídeos do aplicativo. Mais de um terço dos 1,4 bilhão de chineses, a maior população do mundo, estão ativos em aplicativos de vídeos curtos, e o TikTok, lá chamado de Douyin, é o preferido entre pessoas de todas as idades, incluindo os idosos.

Esse rápido crescimento pode ser atribuído ao intenso investimento em publicidade do serviço. A ByteDance, startup mais valiosa do mundo, com valor de mercado de US$ 75 bilhões, aumentou significativamente os gastos voltados para a divulgação do app, utilizando diferentes meios de anúncios.




TikTok tem efeitos faciais para usar nos vídeos de dublagem — Foto: Divulgação/TikTok

Diante dessa crescente, o Facebook estaria desenvolvendo um concorrente direto para o TikTok. Chamado de “Lasso”, o app seria uma continuação independente do Lyp Sync Live, direcionado para adolescentes e que também permitiria gravar vídeos curtos e aplicar recursos de dublagem.

No Brasil, perfis de celebridades como Whindersson Nunes e Tirullipa, também famosos no YouTube e no Instagram, chegam a bater a marca de 200 mil fãs no TikTok. Suas publicações ultrapassam as 500 mil curtidas, aqui chamadas de “corações”.


Mais Sobre Mundo - Internacional

Hábitos digitais estão 'atrofiando' nossa habilidade de leitura e compreensão?

Hábitos digitais estão 'atrofiando' nossa habilidade de leitura e compreensão?

"As pessoas estão percebendo que algo está mudando em si mesmas, que é seu poder de leitura. E há um motivo para isso"

Suicídio: Ex-presidente do Peru morre após dar tiro na cabeça ao ser preso

Suicídio: Ex-presidente do Peru morre após dar tiro na cabeça ao ser preso

O ex-presidente do Peru Alan García morreu hoje (17) durante cirurgia, depois de dar um tiro na cabeça ao receber ordem de prisão em sua casa, no bair

Terrorismo: Ataques a duas mesquitas na Nova Zelândia deixam mortos e feridos

Terrorismo: Ataques a duas mesquitas na Nova Zelândia deixam mortos e feridos

Ataques simultâneos a duas mesquitas na cidade de Christchurch, no sul da Nova Zelândia, deixaram pelo menos 49 mortos e 48 feridos. Autoridades class

Bolsanaro inaugura sistema de telecomunicações operado pela Oi na estação brasileira na Antártica

Bolsanaro inaugura sistema de telecomunicações operado pela Oi na estação brasileira na Antártica

Em cerimônia realizada no Palácio do Planalto, o presidente Jair Bolsonaro inaugurou hoje os novos serviços de telecomunicações da Estação Antár