Porto Velho (RO) terça-feira, 7 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Comportamento de Kim Jong-un é 'muito perigoso'


Internacional
Da Agência Lusa

Brasília – O ministro das Relações Exteriores da França, Laurent Fabius, disse hoje (13), em Xangai, na China, que as intenções do presidente norte-coreano, Kim Jong-un, são um mistério, mas que seu comportamento beligerante, mesmo que fosse um blefe, é ”muito perigoso”.

“Não sabemos o que ele tem em mente. [E se ele] fez isso para se impor junto ao Exército coreano, para adquirir uma espécie de crédito e, em seguida, pedir algo em troca?”, questionou Fabius. “É muito perigoso, porque, mesmo que seja blefe, pode haver um deslize”, reforçou Fabius, que está na China cuidando dos preparativos da visita do presidente francês, François Hollande, ao país asiático.

O ministro francês, que se encontrou com líderes comunistas em Pequim e em Xangai, disse que sentiu "algum incômodo" de seus interlocutores chineses em relação ao regime norte-coreano. “Eles estão preocupados, porque esta é uma área que está próxima [da Coreia do Norte] e veem [a situação] com mais descontentamento.”

“Quando se tem, dentro da sua área de influência, um país que ameaça lançar uma bomba atômica, porque é disso que se trata, é claro que quando se é uma potência pacífica, não se pode estar de acordo”, acrescentou Fabius.
 

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia