Porto Velho (RO) sábado, 28 de novembro de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Comércio mundial de armas aumenta cerca de 14% entre 2009 e 2013


*Da Agência Brasil

O comércio mundial de armas convencionais aumentou cerca de 14% entre 2009 e 2013, em relação aos quatro anos anteriores, informou o Instituto Internacional de Estudos para a Paz, de Estocolmo, na Suécia. Os Estados Unidos continuam a liderar as exportações mundiais de armas, para 90 países, enquanto a Índia é o país que mais importa, tendo duplicado as suas compras.

Os cinco principais exportadores – Estados Unidos, Rússia, Alemanha, China e França – são responsáveis por 74% das vendas mundiais de armas, sendo que os dois primeiros somam mais da metade, com 56%.

Tanto a Alemanha quanto a França reduziram as exportações em 24% e 30%, respectivamente, e as importações na Europa baixaram 25% em relação ao período 2004-2008. A China aumentou as vendas em 212%, sobretudo para os mercados do Paquistão, de Bangladesh e da Birmânia.

A tabela das importações é liderada pela Índia, seguindo-se a China e o Paquistão.

*Com informações da Agência Lusa

Mais Sobre Mundo - Internacional

Autoridades na Grécia fecham único centro de COVID-19 para refugiados

Autoridades na Grécia fecham único centro de COVID-19 para refugiados

Um centro da organização internacional Médicos Sem Fronteiras (MSF) montado na ilha grega de Lesbos para tratar em isolamento pessoas com COVID-19 foi

Portugueses Apostaram cerca de 1 Bilhão de Euros em Cassinos Online no 1º trimestre de 2020

Portugueses Apostaram cerca de 1 Bilhão de Euros em Cassinos Online no 1º trimestre de 2020

Os portugueses chegaram a marca de 1 bilhão de euros em apostas em cassinos online nos meses de janeiro, fevereiro e março de 2020, segundo informaç

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd