Porto Velho (RO) quarta-feira, 16 de janeiro de 2019
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Comércio exterior chinês bate recorde de US$ 1,75 trilhão


Agência O GloboPEQUIM - O comércio exterior da China atingirá um novo recorde de US$ 1,75 trilhão em 2006, o que supõe um aumento de 24% - o equivalente da US$ 330 bilhões - com relação a 2005, segundo os primeiros cálculos do Ministério do Comércio, publicados hoje.A cifra se aproxima das previsões do Ministério para 2006, que anunciavam um valor total das importações e exportações chonesas de US$ 1,758 trilhão.Embora o Ministério não tenha revelado os dados de dezembro, anunciou antecipadamente que as exportações, em 2006, alcançariam US$ 963 bilhões, com uma alta de 27% com relação ao ano anterior. Já as importações atingiriam um valor de US$ 795 bilhões, com um aumento de 20%.O superávit comercial agregado da China alcançou o recorde de US$ 156,521 bilhões acumulados em novembro, eclipsando os US$ 102 bilhões de superávit registrados em todo o ano de 2005. Embora o superávit comercial somente de novembro tenha sido de US$ 22,9 bilhões, as previsões para dezembro indicavam uma queda para US$ 11 bilhões. Na semana passada, o Ministério do Comércio assinalou que as limitações impostas às exportações de alguns produtos chineses por países como Estados Unidos, União Européia, Japão e Coréia do Sul provocaram perdas de US$ 69,1 bilhões para alguns setores chineses em 2006.O mais afetado foi o setor têxtil, que reúne 43% das perdas, e que, desde o começo do ano, enfrentou problemas nos Estados Unidos e na Europa, que reagiram com limitações diante da inundação do mercado com têxteis baratos provenientes da China. Outros setores exportadores afetados pelas medidas protecionistas foram o madeireiro, o eletrônico e o de maquinaria.

Mais Sobre Mundo - Internacional

ALERTA: Mídias sociais elevam depressão entre meninas, diz pesquisa

ALERTA: Mídias sociais elevam depressão entre meninas, diz pesquisa

Meninas adolescentes são duas vezes mais propensas que os meninos a apresentar sintomas de depressão em conexão ao uso das redes sociais, segundo estu

FRANÇA: Coletes amarelos retomam protestos; 101 pessoas são detidas

FRANÇA: Coletes amarelos retomam protestos; 101 pessoas são detidas

Os manifestantes conhecidos como coletes amarelos voltaram às ruas de várias cidades da França ontem (5) na primeira grande mobilização de 2019, que m

Embaixador de Israel afirma “Bolsonaro é o segundo Oswaldo Aranha”,

Embaixador de Israel afirma “Bolsonaro é o segundo Oswaldo Aranha”,

O embaixador do Israel no Brasil, Yossi Shelley, comparou, em entrevista exclusiva à Empresa Brasil de Comunicação (EBC), o presidente Jair Bolsonaro

Presidente chinês, Xi Jinping, diz que está disposto a trabalhar com Bolsonaro

Presidente chinês, Xi Jinping, diz que está disposto a trabalhar com Bolsonaro

O presidente da China, Xi Jinping, enviou uma carta ao presidente Jair Bolsonaro afirmando que está disposto a trabalhar com o novo governo brasilei