Porto Velho (RO) sexta-feira, 12 de agosto de 2022
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Chuvas afetam 5.500 famílias na Bolívia



Cerca de 5.500 famílias foram afetadas pelas intensas chuvas que ocasionaram o transbordamento de rios nas últimas semanas na Bolívia, informou nesta sexta-feira o vice-ministro da Defesa Civil do país, Hernán Tuco. Tuco disse à agência Efe que a principal região afetada até o momento é a região central de Cochabamba, onde três rios transbordaram e afetaram 2.200 famílias em dois municípios, danificando também cerca de 1.200 hectares de cultivos de banana, cítricos e folha de coca. Acrescentou que uma intensa chuva de granizo, ocorrida na madrugada desta sexta-feira no sul de Cochabamba, fez desabar duas casas e afetou aproximadamente 30. Além disso, nas últimas semanas foram registrados transbordamentos de rios nas regiões de Tarija (sul) e Chuquisaca (sudeste). Três pessoas morreram no departamento (estado) de Potosí, no oeste do país, arrastadas pelas águas enquanto lavavam roupa. 

Segundo a imprensa local, também há alerta pela cheia de rios nos departamentos de Pando (norte) e Beni (nordeste), além da região de Santa Cruz (leste), onde o volume do rio Grande aumentou em 30%. O vice-ministro assinalou que o Governo de Evo Morales dispõe de US$ 6,6 milhões para enfrentar os problemas que a temporada de chuvas causar no país. Tuco disse ainda que já foram distribuídos alimentos, ferramentas e remédios e barracas aos habitantes de Cochabamba e que, posteriormente, devem ser entregues sementes e adubos aos agricultores cujos cultivos foram danificados. Lembrou ainda que foi dado "alerta laranja", um código de emergência, para as regiões de Cochabamba, La Paz, Oruro, Potosí, Tarija, Chuquisaca e Santa Cruz. Com a medida, foi ativado o Centro Operacional de Emergências (COE) nacional e seis instâncias similares em cada região, que devem coordenar as ações com ministérios, Prefeituras, a cooperação internacional para dar atenção nas zonas afetadas pelos fenômenos climatológicos. Segundo o Governo boliviano, nos últimos três meses, 16 mil famílias foram afetadas por inundações, chuvas de granizo, secas e tempestades registradas no país.
 
(Fonte: De olho no tempo, com informações EFE)

Mais Sobre Mundo - Internacional

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Missão em Israel proporciona grande experiência de fortalecimento comercial com produtos de Rondônia

Uma missão para um país como Israel, que se reinventou superando adversidades naturais e políticas, torna-se de grande relevância estratégica para est

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

Em Tel Aviv, potenciais de Rondônia são apresentados para empresários em Missão Internacional do Sebrae

A Missão Internacional Israel, promovida pelo Sebrae em Rondônia deve gerar grande frutos em breve. Empreendedores rondonienses compuseram a comitiv

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Ômicron deve infectar mais da metade da Europa em 6 a 8 meses, segundo a OMS

Mais da metade da população europeia deve ser infectada pela variante Ômicron do coronavírus nas próximas seis a oito semanas, disse nesta terça-fei

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

MSF encontra 10 mortos em barco de madeira à deriva no Mediterrâneo

Em 16 de novembro, durante uma difícil operação de busca e resgate a menos de 30 milhas náuticas da costa da Líbia no Mediterrâneo Central, a equipe