Porto Velho (RO) domingo, 18 de agosto de 2019
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

BOLÍVIA: Produção foi enterrada debaixo de água


É previsível escassez do grão.  Perdas de produtores de arroz do Beni pode chegar a 28 milhões, devido à produção de 20 mil hectares que estão debaixo de água.

A afirmação foi feita ontem pelo presidente da Associação dos Produtores Rice Beni, Richard Novak, segundo ele os 20 mil hectares estão completamente perdidos e 4 mil comprometidas. Isto significa que, se em 15 dias, não baixar as água não haverá colheita.

Ele esclareceu que o número total de hectares semeados inclui área mecanizada e não os pequenos produtores. O plantio de arroz em grandes áreas é realizada nas províncias Cercado, Marbán e parte da província Mamoré.

"Temos acordado entre todos os produtores que foi um ano de perda total, quando iniciamos este colheita vem essa desgraça", disse o empresário. 

Fonte: Gentedeopinião com informações de La Palabra

 

Mais Sobre Mundo - Internacional

As mulheres e os homens mais compridos do mundo

As mulheres e os homens mais compridos do mundo

Segundo um estudo feito por 800 cientistas do Imperial College em Londres (1) sobre o desenvolvimento da altura das pessoas adultas nos últimos 100

Dia Mundial do Rock é comemorado neste sábado

Dia Mundial do Rock é comemorado neste sábado

Um senhor de mais de 60 anos, vibrante, contestador, revolucionário e que provoca as mais diversas sensações e reações em quem tem contato com ele ou

Morre Lee Iacocca, o pai do Mustang

Morre Lee Iacocca, o pai do Mustang

Morreu em 2 de julho, aos 94 anos, Lido Anthony "Lee" Iacocca, um dos mais famosos executivos da indústria automobilística. Era filho de imigrantes it

Porto Velho: Inscrições para vagas na escola de música Som na Leste encerram nesta quarta, dia 03

Porto Velho: Inscrições para vagas na escola de música Som na Leste encerram nesta quarta, dia 03

A Escola Municipal de Música Som na Leste divulgou edital para matrícula de novos alunos para o preenchimento de vagas para os cursos no segundo semes