Porto Velho (RO) quarta-feira, 8 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Mundo - Internacional

Autoridades descobrem túnel que seria utilizado por cartéis



Renata Giraldi
Agência Brasil


Brasília – Um túnel ainda em construção, com 5 metros de profundidade e 2 de diâmetro, ligando o México aos Estados Unidos, foi descoberto ontem (22) por militares do Exército mexicano. De acordo com as autoridades, o objetivo com a construção do túnel era facilitar o tráfico de pessoas, drogas e armas. As informações são da agência pública de notícias de Portugal, a Lusa.

A região fronteiriça entre o México e os Estados Unidos é controlada principalmente por dois cartéis de tráfico humano, de drogas e de armas – Los Zetas e El Golfo. A Secretaria de Defesa Nacional do México informou que a descoberta foi possível porque houve uma denúncia anônima.

“Não descartamos a possibilidade de os construtores do túnel pretenderem utilizá-lo para o tráfico de pessoas e drogas para os Estados Unidos, assim como de armas e dinheiro norte-americano para o México”, informou o comunicado divulgado pela secretaria.

No ano passado, um grupo de 72 imigrantes foi assassinado na região de Tamaulipas, uma das mais violentas do México. O crime foi atribuído ao cartel Los Zetas. No grupo havia quatro brasileiros. Segundo depoimentos, os imigrantes, a maioria da América Central, pretendiam passar pela fronteira mexicana para chegar aos Estados Unidos.

 

Mais Sobre Mundo - Internacional

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisa mostra características de pessoas infiéis

Pesquisadores de universidades americanas sugerem que os potenciais infiéis têm um perfil: Apresentam níveis educacionais e financeiros acima da méd

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

O minério Niobium da Amazônia brasileira desperta cobiça internacional por ser estratégico para as indústrias

Quem pensa que o presidente francês Emmanuel Macron foi o primeiro presidente de uma potência europeia a questionar a soberania brasileira sobre a 

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Suicídio - OMS alerta para adoção de estratégias de prevenção

Dos 183 países integrantes da Organização Mundial da Saúde (OMS), apenas 38 pesquisados pelo organismo, entre eles o Brasil, contam com uma estratégia