Porto Velho (RO) domingo, 5 de abril de 2020
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Vendaval atinge Porto Velho e Rio Branco



Nuvens carregadas atingiram a capital de Rondônia provocando pancadas fortes e rajadas de quase 50 km/h. A Zona Sul foi a mais afetada. No Acre, houve registro de anos materiais.

Daniel Panobianco – Uma rápida, porém forte pancada de chuva atingiu Porto Velho na tarde de ontem (19), causando transtornos à população local. As nuvens carregadas que se formaram no sul do Amazonas – região de Lábrea e Humaitá – avançaram rapidamente atingindo primeiro as Zonas Oeste e Sul e depois o Centro e Zonas Norte e Leste.

Segundo dados da estação meteorológica automática do INMET (Instituto Nacional de Meteorologia) instalada próxima ao Aeroclube de Rondônia, Zona Sul, a precipitação atingiu 12,6 milímetros em uma hora, considerada de moderada intensidade. Na mesma região, dados do anemômetro – medidor de direção e velocidade do vento – da PCD (Plataforma de Coleta de Dados) da Embrapa acusaram rajada de 13,0 m/s, o que equivale a 46,8 km/h, valor significativo de rajada de vento.

No Aeroporto Internacional Governador Jorge Teixeira de Oliveira, dados de METAR indicaram rajada de 18 nós às 17 horas (local), o que equivale a 33,3 km/h.

Comerciantes da Zona Sul ficaram assustados com a força da rajada e temeram por danos materiais, mas até o momento, não há informações sobre danos maiores a não ser a queda de galhos e algumas placas de publicidade.

Em Guajará-Mirim, também houve registro de trovoada no final da tarde, mas a área de chuva mais intensa ficou concentrada do outro lado da fronteira, na Bolívia.

Fonte: Daniel Panobianco

Mais Sobre Meio Ambiente

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Acordo de R$ 2,7 milhões na Justiça do Trabalho viabilizará projetos sustentáveis em Presidente Médici/RO

Um acordo no valor de R$ 2,7 milhões homologado pela Justiça do Trabalho em Ji-Paraná/RO beneficiará projetos sustentáveis que visam o tratamento e re

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

Rio Madeira ultrapassa os 15 metros, dois a menos que em 2019, afirma Defesa Civil

O rio Madeira atingiu na segunda-feira (9) a cota de 15,24 metros, um pouco acima da média (15 metros), mas longe de uma enchente como a registrada em

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

Prefeitura de Porto Velho alinha medidas para a realização do Amazônia + 21

O prefeito Hildon Chaves se reuniu no Prédio do Relógio (sede do poder executivo) na manhã desta segunda-feira (09), acompanhado do secretário adjunto

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Policiais Militares do Batalhão Ambiental participam de oficina sobre Crimes Ambientais de Menor Potencial Ofensivo

Sessenta Policiais Militares do Batalhão de Polícia Ambiental, de todo o Estado, participaram na manhã desta sexta-feira (28/2) da Oficina sobre