Terça-feira, 23 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Temporal causa ventania e blecaute em Ji-Paraná


Pela terceira vez em menos de uma semana, a chuva forte do inicio da estação chuvosa causou estragos em diversas áreas de Ji-Paraná. Algumas obras foram prejudicadas com a chuva e os ventos fortes desta quarta-feira.
Daniel Panobianco – Mais um temporal, o terceiro em quatro dias atingiu grande parte da região central de Rondônia na tarde desta quarta-feira, inclusive em Ji-Paraná. As nuvens cresceram rapidamente com o calor e a umidade do ar fechando o céu rapidamente. Por volta das 14h30min (local), a tempestade já causava muita chuva e rajadas de ventos superiores a 60 km/h na divisa com Ouro Preto d’ Oeste, que também registrou grande volume de chuva em diversos pontos. Entre as 15 e 16 horas, uma grande área de chuva intensa avançou de norte formando um alinhamento bem definido, desde a divisa com o Estado de Mato Grosso até a zona urbana da cidade.
Muitas ruas e avenidas ficaram completamente alagadas, principalmente em bairros com topografia mais baixa como Bela Vista e Primavera. Os constantes alagamentos na Vila Jotão, próximo ao Shopping Cidadão foram inevitáveis. Diversas obras da prefeitura municipal - como o serviço de canalização no Segundo Distrito - foram afetadas pela enxurrada, o que comprometeu algumas escavações realizadas no período da manhã. Por volta das 16h30min, um transformador localizado à Rua Menezes Filho, no Bairro Casa Preta, explodiu causando blecaute em toda a região. Na zona rural e em Presidente Médici, raios interromperam por quase duas horas a transmissão de energia elétrica.
Segundo dados da plataforma do SIVAM, próximo ao aeroporto José Coleto, o volume acumulado de chuva chegou a 46,7 mm.
Em contato realizado com o Corpo de Bombeiros local, apenas pedidos de auxilio e quedas de árvores de grande porte foram solicitados. Uma dessas árvores, entre as Ruas T-15 e Goiânia, próximo ao colégio Aloísio Ferreira, com mais de 4 metros de altura foi arrancada pela raiz com a força das rajadas de ventos que chegaram a 60 km/h.
Outras áreas do Estado também registraram chuva muito forte, sempre acompanhada de intensa atividade elétrica. Em Cacoal, o tempo fechou geral pouco depois das 16 horas com grande aguaceiro na cidade.
Na capital a chuva também caiu, embora com menos intensidade que no interior, mas o suficiente para alagar algumas ruas e avenidas, que ano após ano sofrem com os alagamentos. Isso porque só estamos na primeira semana de chuva. Até o final do inverno amazônico, a população não só de Porto Velho, como em outras tantas cidades do Estado, pode esperar por momentos de desespero e raiva com os alagamentos. CLIQUE E ACOMPANHE A MUDANÇA DO TEMPO COM DANIEL PANOBIANCO.

Gente de OpiniãoTerça-feira, 23 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

EcoCast: série especial discute os desafios e oportunidades do mercado de carbono no Brasil

EcoCast: série especial discute os desafios e oportunidades do mercado de carbono no Brasil

Você sabe o que são os famosos créditos de carbono? E como eles funcionam, você sabe? Na série especial “Carbono: desafios e oportunidades” recebemos

Inovação e Sustentabilidade em Rondônia: UNIR e Eletrogoes Avançam na Pesquisa Florestal

Inovação e Sustentabilidade em Rondônia: UNIR e Eletrogoes Avançam na Pesquisa Florestal

O Grupo de Pesquisa de Recuperação de Ecossistemas e Produção Florestal, coordenado pelas Dra. Kenia Michele de Quadros e Dra. Karen Janones da Roch

Pesquisa estuda folha da Amazônia para substituição do mercúrio na extração de ouro

Pesquisa estuda folha da Amazônia para substituição do mercúrio na extração de ouro

Pau-de-balsa é uma espécie florestal nativa da Amazônia e já é utilizada de forma artesanal na Colômbia para extração de ouro.Agora, cinco instituiçõ

Ibama define nova prioridade para enfrentar perdas na biodiversidade e a crise climática

Ibama define nova prioridade para enfrentar perdas na biodiversidade e a crise climática

Neste ano em que completa 35 anos, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) comemora o impacto do trabalho

Gente de Opinião Terça-feira, 23 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)