Porto Velho (RO) sexta-feira, 21 de setembro de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Sema realiza blitzes nesta sexta-feira para prevenir queimadas urbanas


Quatro blitzes educativas serão realizadas pela Prefeitura de Porto Velho nesta sexta-feira, 09, para chamar a atenção da população com relação aos problemas provocados pelas queimadas urbanas. É mais uma ação da campanha “Queimadas Urbanas – Apague essa Ideia” realizada desde junho pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (Sema). A ação inicia a partir das 8h e encerrará às 10h30. Os locais escolhidos foram os cruzamentos da Alexandre Guimarães com a Campos Sales, José Amador dos Reis com Alexandre Guimarães, Calama com Campos Sales e Jatuarana com Campos Sales.

A chefe de Divisão, do Departamento de Gestão de Políticas Públicas Ambientais, Kátia Cintra, explica que as equipes da Sema estarão nesses locais distribuindo materiais informativos como fólderes, panfletos, adesivos, ente outros. “Queremos conscientizar a população, explicar os malefícios provocados pelas queimadas urbanas, na tentativa de fazer com que as pessoas mudem de hábito e deixe de fazer a queima do lixo retirado de seus quintais. Esse é um costume popular que precisa mudar para que possamos reduzir os índices de queimada urbana em Porto Velho”, adiantou.

De acordo com um levantamento preliminar feito em cima das denúncias que chegam à Sema por meio da Linha Verde em Defesa do Meio Ambiente (0800 – 647 – 1320) os bairros com maior incidência de focos de incêndio são o Três Marias, Nacional, Novo Horizonte e Flodoaldo Pontes Pinto.

A prefeitura também está atuando diretamente nesses bairros com a realização de ações educativas, como o projeto “Um Dia sem Fogo”. A ação já foi realizada em dois bairros da zona norte, o Nacional e o Nova Esperança. O próximo a receber a ação é o Três Marias, na zona leste, no próximo dia 29. A campanha é realizada em parceria com o Exército.

Fonte: Joel Elias
Foto: Medeiros


 

Mais Sobre Meio Ambiente

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

SP corre risco de enfrentar crise hídrica mais grave que a de 2014

O Sistema Cantareira, que abastece parte da capital paulista e da Região Metropolitana, estava com quase 60% da capacidade um ano antes da crise de 20

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Novo marco legal do saneamento gera polêmica no setor

Agentes reguladores estão avaliando a medida provisória

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Parque Ecológico Municipal recebe plantio de Ipê e Flamboyant

Um grupo de 30 crianças da Fundação JiCred plantou mudas de ipê e flamboyant no Parque Ecológico Municipal. A ação foi realizada pelo Sistema Cooperat