Porto Velho (RO) domingo, 24 de junho de 2018
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Queimadas provocam suspensão de vôos em Rondônia


Agência O GloboPORTO VELHO - Estão suspensas desde o início da manhã desta sexta-feira as operações de pouso e decolagem no aeroporto Governador Jorge Teixeira, em Porto Velho. Uma nuvem de fumaça provocada pelas queimadas irregulares na zona rural encobre casas, prédios e até o rio Madeira. Nos últimos dois dias, o aeroporto ficou interditado por 14 horas. A fumaça é provocada por agricultores que usam o fogo para limpar o terreno ou por fazendeiros que incendeiam a floresta para ampliar a área plantada.- A fumaça é um fenômeno que só dissipa se tiver vento e o vento em Porto Velho hoje (nesta sexta) está calmo - explicou o superintendente da Infraero Daniel Sobrinho.A visibilidade mínima para pouso e decolagem de aviões tem de ser de 1.200 metros, mas nas últimas horas chegou a menos de 500 metros. Quem mais sofre com as queimadas são as crianças. De cada dez pacientes atendidos nos hospitais e postos de saúde de Porto Velho, seis são crianças com problemas respiratórios graves.Mãe de um bebê de cinco meses que está com pneumonia, a dona de casa Adriana Aparecida Vital tem mais dois filhos que também sofrem de problemas respiratórios no período das queimadas.- Meus três filhos passam por problemas respiratórios neste período do ano. O resto do ano eles passam bem - disse.Queimada sem autorização é crime ambiental, com penas de multa e prisão. Segundo o Ibama, o estado de Rondônia não tem infra-estrutura para impedir este tipo de crime. O órgão conta com 20 funcionários para fiscalizar todo o estado inteiro.

Mais Sobre Meio Ambiente

ANA disponibiliza nova plataforma de dados abertos sobre recursos hídricos

ANA disponibiliza nova plataforma de dados abertos sobre recursos hídricos

Integrada ao Sistema Nacional de Informações sobre Recursos Hídricos (SNIRH), a plataforma da Agência Nacional de Águas oferece dados e informações so

MP pede interdição de “lixões” em Rondônia

Ministério Público pede à Justiça para interdição dos “lixões”de Costa Marques e do Distrito de São Domingos do Guaporé

Experiências ao redor do mundo apontam caminhos para redução do lixo

Experiências ao redor do mundo apontam caminhos para redução do lixo

A preservação ambiental é uma questão global, mas que ganha materialidade nas cidades. É nelas que os impactos se revelam mais nitidamente como, por e

Sedam expõe na ALE sobre programa de recursos hídricos

          O presidente da Comissão de Meio Ambiente (CMA) da Assembleia Legislativa, deputado Jean Oliveira (MDB) recebeu na tarde desta quarta-feira