Terça-feira, 23 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Parque Ecológico da capital abandonado


Parque Ecológico da capital revolta os turistas e visitantes.  Implantado ainda na gestão do falecido prefeito Francisco Chiquilito Erse, ao final dos anos 80, o Parque Ecológico de Porto Velho está precisando de mais apoio e resgatar o seu auge quando chegou a receber até 5 mil visitantes aos domingos. Já são poucos animais para serem visitados, ao contrário de anos anteriores quando existiam mais atrações, hoje elas são escassas. Por isso, dos 5 mil visitantes aos domingos na administração passada, a frequência baixou na atual gestão, para 900 pessoas no ano passado e em 2007 para 400 visitantes.
Visitantes e turistas que visitaram o Parque nos últimos dias cobraram mais recursos, mais atrações e uma atitude dos órgãos públicos municipais para que o logradouro ganhe mais infra-estrutura. “Ele já foi um cartão de visitas da capital e hoje está quase abandonado”, reagem.
A situação do parque municipal é um contraponto a uma excepcional administração do atual prefeito Roberto Sobrinho (PT). Além de dezenas de obras de pavimentação, moradia e infra-estrutura que se desenvolvem na capital, a municipalidade já está revitalizando a Estrada de Ferro Madeira Mamoré, implantando a infra-estrutura na região portuária do Cai N’àgua – depois de quase 100 anos de abandono - e onde será construída uma moderna estação fluvial e passageiros. Sobrinho também trabalha firme na recuperação das estradas vicinais. A qualidade da recuperação da Estrada da Penal, por exemplo, dando acesso a Porto Chuelo, é de se chamar atenção. Não fica devendo nada ao trabalho do governador das estradas, Ivo Cassol.
Chama atenção ainda, o fato do prefeito se mostrar responsável em algumas áreas, como a de pavimentação onde as ruas somente são asfaltadas depois da implantação das galerias fluviais, e, ao mesmo tempo, ser tão insensível com o Parque Natural criado para se transformar num centro de estudos da biodiversidade rondoniense. Com a palavra o prefeito Roberto Sobrinho... 
Fonte: gentedeopinião

Gente de OpiniãoTerça-feira, 23 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)

VOCÊ PODE GOSTAR

EcoCast: série especial discute os desafios e oportunidades do mercado de carbono no Brasil

EcoCast: série especial discute os desafios e oportunidades do mercado de carbono no Brasil

Você sabe o que são os famosos créditos de carbono? E como eles funcionam, você sabe? Na série especial “Carbono: desafios e oportunidades” recebemos

Inovação e Sustentabilidade em Rondônia: UNIR e Eletrogoes Avançam na Pesquisa Florestal

Inovação e Sustentabilidade em Rondônia: UNIR e Eletrogoes Avançam na Pesquisa Florestal

O Grupo de Pesquisa de Recuperação de Ecossistemas e Produção Florestal, coordenado pelas Dra. Kenia Michele de Quadros e Dra. Karen Janones da Roch

Pesquisa estuda folha da Amazônia para substituição do mercúrio na extração de ouro

Pesquisa estuda folha da Amazônia para substituição do mercúrio na extração de ouro

Pau-de-balsa é uma espécie florestal nativa da Amazônia e já é utilizada de forma artesanal na Colômbia para extração de ouro.Agora, cinco instituiçõ

Ibama define nova prioridade para enfrentar perdas na biodiversidade e a crise climática

Ibama define nova prioridade para enfrentar perdas na biodiversidade e a crise climática

Neste ano em que completa 35 anos, o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) comemora o impacto do trabalho

Gente de Opinião Terça-feira, 23 de abril de 2024 | Porto Velho (RO)