Porto Velho (RO) sexta-feira, 22 de março de 2019
×
Gente de Opinião

Meio Ambiente

Parceria leva crédito até o agricultor


 
Ir ao banco é coisa do passado. Agora os agricultores aguardam a visita dos técnicos da instituição financeira e da extensão rural em suas comunidades para efetivar a aquisição de linhas de crédito. 

A ação é uma parceria entre a Associação de Assistência Técnica e Extensão Rural do Estado de Rondônia (Emater) e o Banco da Amazônia (Basa) e está facilitando a vida dos agricultores da região de Ji-Paraná e Presidente Médici. O objetivo é desafogar as agências e minimizar as despesas com deslocamento para o agricultor. “As equipes das duas instituições vão até a comunidade e lá mesmo realizam todos os trâmites necessários para a contratação do crédito, assim o agricultor não precisa mais perder o seu dia para vir até a cidade e ainda ficar esperando na agência para pegar seu crédito”, diz José Carlos Cruz Veiga, engenheiro agrônomo da Emater, responsável pelo crédito rural na região de Ji-Paraná.
Somente neste mês de novembro foram contratados 132 projetos do Pronaf B: 41 de Estrela de Rondônia e 91, de Riachuelo, totalizando 198.000 reais. Pronaf B é uma linha de crédito do Programa de Apoio e Fortalecimento da Agricultura Familiar, criada para contribuir com as famílias de agricultores de baixa renda. Cada agricultor pode financiar até 1.500 reais, desde que sua renda familiar anual não ultrapasse 6.000 reais. “Acima desse valor o agricultor terá direito a outras linhas de crédito, como o Pronaf AF”, explica Cruz. 

Com o Pronaf B o agricultor familiar, seja ele proprietário, meeiro, arrendatário pode usufruir do recurso adquirido para financiar investimentos em suas propriedades a juros de 0,5 por cento ao ano e um rebate de 25 por cento do saldo devedor se pagar rigorosamente em dia, no prazo máximo de dois anos. Cada agricultor tem direito a adquirir até dois projetos do Pronaf B, já que a meta do projeto é fazer com que ele tenha um aumento na sua renda e melhore a sua melhor qualidade de vida. Aumentando a renda o agricultor já estará apto a adquirir outros tipos de financiamentos, fazendo com ele cresça na sua atividade. “O Pronaf AF (Agricultura Familiar) financia hoje entre 6.000 reais e 36.000 reais, dependendo da capacidade do agricultor, mas para 2010 o limite de crédito do Pronaf B será de 2.000 reais, ajudando ainda mais o agricultor’, Finaliza o técnico da Emater.

Fonte: Wania Ressutti / DRT-959/RO

Mais Sobre Meio Ambiente

HENRIQUE DE HOLANDA PARTICIPARÁ DE EVENTO NA FACULDADE SÃO LUCAS

HENRIQUE DE HOLANDA PARTICIPARÁ DE EVENTO NA FACULDADE SÃO LUCAS

O empresário Henrique de Holanda participará nessa quarta-feira (13/03), da mesa redonda sobre Política Nacional de Resíduos Sólidos. O evento será na

Sistema Fecomércio/RO participará de Workshop sobre Gestão de Resíduos Sólidos

Sistema Fecomércio/RO participará de Workshop sobre Gestão de Resíduos Sólidos

O Sistema Fecomércio/Sesc/Senac/IFPE irá participar nesta quarta-feira (13) do Workshop colaborativo sobre Gestão de Resíduos Sólidos Urbanos, com o t

Instituto Mamirauá oferece seis minicursos voltados à biologia, ecologia, análise de dados e estudos sociais.

Instituto Mamirauá oferece seis minicursos voltados à biologia, ecologia, análise de dados e estudos sociais.

Os minicursos serão realizados durante o 16º Simpósio sobre Conservação e Manejo Participativo na Amazônia (Simcon), no próximo dia 2 de julho A progr

Viveiro Cidadão: O meio ambiente é tema para concurso de desenho e redação

Viveiro Cidadão: O meio ambiente é tema para concurso de desenho e redação

O meio ambiente que eu quero, foi o tema escolhido para ser apresentado através de desenhos por estudantes dos municípios atendidos pelo projeto Vivei